DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Teses de Doutorado (PPGE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15443

Title: A formação continuada como um processo experiencial: a trans-formação dos educadores de Boa Vista do Tupim
Authors: Zen, Giovana Cristina
???metadata.dc.contributor.advisor???: Carvalho, Maria Inez da Silva de Souza
Keywords: Formação de professores;Sucesso escolar;Experiência;Habitus;Professores - Educação (Educação permanente);Rendimento escolar;Teacher education;School success;Experience and habitus
Issue Date: 1-Aug-2014
Abstract: O trabalho busca compreender como as ações engendradas no município de Boa Vista do Tupim, em parceria com o Projeto Chapada, romperam com o perverso ciclo de analfabetismo, ampliando as possibilidades de produção de sucesso escolar. A pesquisa de campo foi realizada em quatro percursos distintos nos quais foram realizadas observações, entrevistas e encontros formativos que permitiram produzir e coletar os dados da pesquisa de forma simultânea. Os diversos aspectos do campo educacional que possibilitaram a trans-formação dos educadores foram analisados a partir do conceito de experiência, discutidos por Dewey e Larrosa; e do conceito de habitus, cunhado por Bourdieu e atualizado por Lahire. Das muitas lições apreendidas, é possível afirmar que a formação continuada, quando concebida como um processo experiencial, potencializa de modo significativo as tensões entre o instituído e o instituinte, provocando deslocamentos no habitus de cada professor e do contexto no qual se insere. Habitus e experiência mantêm entre si uma relação de interdependência. É aí que reside a potência do processo formativo, no qual os sujeitos assumem o papel de experimentadores de si mesmos e trans-formam os modos de ser, de pensar e de agir.
ABSTRACT The work seeks to understand how the actions engendered in Boa Vista do Tupim, in partnership with the Projeto Chapada, broke the perverse cycle of illiteracy, expanding the possibilities of producing school success. The field work was performed in four distinct pathways that allowed us to collect and to produce survey data simultaneously through group observations, interviews and formative meetings. The various aspects of the educational field which enabled educators trans-formation were analyzed using the concept of experience, as discussed by Dewey and Larrosa; and the concept of habitus, proposed by Bourdieu and updated by Lahire. The research allowed us to state that continued teacher training, when conceived as an experiential process, enhances significantly the tensions between the instituted and the instituting, causing shifts in the habitus of each teacher and also in the context in which they live and perform their work. Habitus and experience have an interdependent relationship. There in lies the power of the formative process in which the subjects assume the role of self experimenters and trans - form their ways of being, thinking and acting.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15443
Appears in Collections:Teses de Doutorado (PPGE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE DOUTORADO_ A Formacao Continuada como um Processo Experiencial_Giovana Cristina Zen_ 20141.pdf4.46 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA