DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Dissertações de Mestrado (PPGE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/25206

Title: Estratégias pedagógicas para a permanência de estudantes surdos na educação superior
Authors: Ribeiro, Sátila Souza
???metadata.dc.contributor.advisor???: Pimentel, Susana Couto
Keywords: Educação superior;Surdo;Estratégias pedagógicas;Permanência;Higher education;Deaf;Pedagogical strategies;Permanence
Issue Date: 24-Jan-2018
Abstract: Esta pesquisa traz como objeto de investigação as percepções de estudantes surdos acerca das estratégias pedagógicas que favorecem o seu processo de permanência na Educação Superior. Tal investigação foi desenvolvida junto a estudantes surdos (usuários da Língua Brasileira de Sinais- Libras e da Língua Portuguesa Oral) da UFRB, matriculados no Curso de Licenciatura em Letras-Libras-Língua Estrangeira. A escolha metodológica, de natureza qualitativa, define o caminho do estudo de caso com uso da entrevista semiestruturada como instrumento de investigação, por permitir captar as percepções dos estudantes surdos sobre a eficiência das estratégias pedagógicas para o seu processo de permanência no ambiente acadêmico. O embasamento que subsidiou a análise dos dados levantados fundamentou-se nos normativos legais brasileiros e institucionais da UFRB, e em autores como: Vygotsky (1991, 1995); Pimentel (2007, 2012); Silva e Matos (2015); Skliar (2013); Quadros (2006), dentre outros. Os resultados demonstraram que a UFRB tem desenvolvido ações visando à garantia de direitos dos estudantes surdos, envolvendo: aprovação de normativos institucionais, realização de concurso para profissionais intérpretes de Libras e oferta de curso de Libras para formação de servidores. Concernente às estratégias pedagógicas, evidenciou-se, a partir das percepções dos estudantes surdos, que os docentes, em sua maioria, utilizam estratégias que atendem as suas especificidades. Tais estratégias envolvem: o uso de recursos didáticos de natureza visual; interlocução pausada do professor para favorecer a compreensão do surdo oralizado e a interpretação do conteúdo da aula para Libras; a utilização de dicionário na aula e a disponibilização de tempo para busca de novos vocabulários; a ênfase de trabalhos em grupos; estratégias metodológicas diferenciadas, a exemplo de dar aulas em Libras. Tais estratégias foram reconhecidas pelos surdos participantes da pesquisa como favorecedoras do processo de aprendizagem e, portanto, de sua permanência, embora essa seja uma prática adotada por parte dos docentes. Palavras-chave: Educação Superior. Surdo. Estratégias pedagógicas. Permanência.
ABSTRACT This research brings as object of investigation the perceptions of deaf students about pedagogic strategies that favor their process of permanence in Higher Education. This research was developed with deaf students (users of Language Brazilian of Signs- Libras and the Portuguese Oral Language) of the Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) [Federal University of Recôncavo of Bahia], enrolled in the Licentiate Course in LibrasForeign Language. The methodological choice, of a qualitative nature, defines the way of the case study using the semistructured interview as a research tool, because it allows to capture the perceptions of deaf students about the efficiency of pedagogical strategies for their stay in the academic environment. The background that supported the analysis of the data collected was based on Brazilian legal and institutional norms of UFRB, and on authors such as: Vygotsky (1991, 1995); Pimentel (2007, 2012); Silva and Matos (2015); Skliar (2013); Quadros (2006), among others. The results showed that UFRB has developed actions aimed at guaranteeing the rights of deaf students, involving: the approval of institutional norms, the holding of a competition for professional interpreters of Libras and the offer of a course for the formation of servers. Concerning the pedagogical strategies, it was evidenced, from the perceptions of deaf students, that the teachers, for the most part, use strategies that meet their specificities. Such strategies involve: the use of didactic resources of a visual nature; the professor's slow interlocution to favor the understanding of the deaf oralized and the interpretation of the content of the lesson for Libras; the use of dictionary in class and the availability of time to search for new vocabularies; the emphasis of group work; differentiated methodological strategies, such as teaching in Libras. Such strategies were recognized by the deaf participants of the research as facilitators of the learning process and, therefore, of its permanence, although this is a practice adopted by the teachers.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/25206
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO DE MESTRADO UFBA- Sátila Souza Ribeiro.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA