DSpace

RI UFBA >
Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos - IHAC >
Programa de Pós-Graduação em Estudos Interdisciplinares Sobre a Universidade (PPGEISU) >
Dissertações de Mestrado (PPGEISU) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/18384

Title: Formação em Psicologia no Brasil: história, constituição e processo formativo
Authors: Rudá, Caio
???metadata.dc.contributor.advisor???: Almeida Filho, Naomar Monteiro de
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Coutinho, Denise
Keywords: Formação em Psicologia;Educação Superior;Arquitetura Acadêmica;Psicologia brasileira
Issue Date: 15-Dec-2015
Abstract: A formação em Psicologia no Brasil tem sido amplamente estudada e discutida em ambientes acadêmicos, desde antes da sua institucionalização em universidades e faculdades. Diante da escassez de estudos críticos acerca da educação superior nacional, este estudo propõe examinar a formação universitária em Psicologia no Brasil como consequência da constituição da Educação Superior neste país, visando à sua caracterização, por meio de uma abordagem comparativa, tendo como objeto a formação em Psicologia, tal como vem sendo ofertada em instituições federais de ensino superior. Mediante um estudo de casos múltiplos, buscou-se analisar a formação universitária em psicologia, no nível de graduação, tendo como objetivos específicos apontar relações entre finalidades, objetivos e estrutura do processo de ensino-aprendizagem. Os principais resultados apontam para uma estrutura de formação anacrônica, não condizente com as especificidades ontológicas da Psicologia e apartada das expectativas acerca do papel das universidades na formação cidadã crítica e profissional. Acredita-se, portanto, que a formação em Psicologia deve ser revista em todas as dimensões, desde seus marcos normativos aos tipos de componentes curriculares. Aponta-se uma imprescindível revisão da arquitetura acadêmica, substituindo o tradicional arranjo linear pelo regime de ciclos. Desse modo, toda a formação inicial estaria assentada em uma etapa propedêutica, sendo complementada numa segunda etapa que ofereceria conteúdos estruturantes do campo psicológico e habilitaria à utilização de instrumentos e técnicas psicológicos indispensáveis à atuação profissional. Por fim, uma profissionalização mais efetiva dar-se-ia num terceiro ciclo de formação especializada, conforme áreas de especialidade e atuação ou orientações teórico-metodológicas, em programas de residência e/ou mestrado profissional.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/18384
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGEISU)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação Final 14dez.pdf2.69 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA