DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Dissertações de Mestrado (PPGE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10496

Title: Biossegurança, um novo desafio na formação do profissional de saúde pública: avaliação da implementação do Programa Nacional de Capacitação em Biossegurança Laboratorial na Bahia
Authors: Rocha, Sheila Sotelino da
???metadata.dc.contributor.advisor???: Fartes, Vera Lúcia Bueno
Keywords: Biossegurança-saúde pública;Educação profissional;Trabalho e educação;Biosafety public health;Professional education;Public health;Work and education
Issue Date: 2003
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Educação da UFBA
Abstract: Esta dissertação faz uma reflexão sobre a temática trabalho-educação, enfocando as articulações entre os novos processos de trabalho em saúde pública, os riscos inerentes a estes e o perfil do trabalhador por ele demandado, analisando as estratégias utilizadas pelas instituições de saúde pública para suprir a deficiência na formação dos profissionais do setor no que se refere ao desenvolvimento de uma percepção para os riscos e o conhecimento das formas de prevenção a estes, questões afetas a Biossegurança. A pesquisa buscou verificar a eficácia do Programa Nacional de Capacitação em Biossegurança Laboratorial para Multiplicadores - PNCBLM, concebido para este fim, analisando as práticas educativas em saúde aplicadas pelo Laboratório Central de Saúde Pública do Estado da Bahia ? LACEN/BA, quando da implantação do mesmo. O LACEN/BA possui uma complexidade de processos de trabalho envolvendo atividades onde a exposição a diferentes agentes de risco é rotina e em sua proposta de capacitação está inclusa a formação de uma rede de difusão do conhecimento sobre o tema, num processo de educação continuada. Foram analisados, segundo a visão dos diferentes sujeitos envolvidos no PNCBLM, os impactos causados pelo programa tanto para a instituição quanto para o dia-a-dia do trabalhador, bem como sua estrutura e funcionamento e os limites e possibilidades para seu desenvolvimento. A metodologia adotada envolveu três fases: levantamento preliminar de dados, definição de população e de amostras e coleta de dados. Foram utilizadas diferentes técnicas de pesquisa como: entrevistas estruturadas por roteiros, questionário, consulta direta a documentos e registros de trabalho. Foi constatado através da pesquisa que o programa apresentou resultados favoráveis tanto para os profissionais-alunos quanto para a instituição. Os conhecimentos adquiridos promoveram mudanças no comportamento dos profissionais frente aos riscos, dentro e fora do espaço de trabalho, o que resultou em propostas de investimentos na instituição para melhoria das instalações e dos equipamentos e trouxe mais qualidade e agilidade no atendimento das demandas institucionais. Apesar disso, foram apresentadas dificuldades como a de compatibilizar carga horária de trabalho com processo educativo, principalmente para os instrutores, que em razão do acumulo de atividades pedagógicas com rotinas laboratoriais, consideram comprometida a proposta de programas de educação continuada.
Description: 165f.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10496
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertacao_ Sheila da Rocha.pdf660.8 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA