DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Dissertações de Mestrado (PPGE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10167

Title: De ribeirinhos a sertanejos do semi-árido: a intervenção socioeducacional na trajetória dos atingidos por barragens
Authors: Carmo, Edinaldo Medeiros
???metadata.dc.contributor.advisor???: Gomes, Celma Borges
Keywords: Participação;Identidade;Pertencimento;Organização sociocomunitária;Participation;Identity;Pertaining;Sociocommunitarian organization
Issue Date: 2007
Abstract: Esta dissertação, intitulada De ribeirinhos a sertanejos do semi-árido: a intervenção socioeducacional na trajetória dos atingidos por barragens, é um estudo sobre a trajetória dos reassentados, que tem como objetivos de um lado, analisar a constituição do processo histórico e a formação do Núcleo Fazenda Nova. De outro, compreender as relações estabelecidas entre os moradores e a organização sociocomunitária; e, ainda, avaliar a contribuição que o processo educacional, realizado durante a intervenção institucional, trouxe para a organização sociocomunitária dos reassentados. Trata-se de um trabalho que utilizou em suas análises os referenciais da teoria educacional e da teoria sociológica. A trajetória metodológica, na perspectiva dialética, buscou compreender a realidade em foco,considerando o sujeito como ser social e historicamente construído. Neste sentido, adotou-se a abordagem qualitativa do tipo Estudo de Caso, pois as representações, os conflitos, os determinantes históricos, culturais, políticos e sociais não seguem graus de linearidade, mas aparecem inter-relacionados e caracterizados pelas especificidades dos diferentes contextos. Igualmente, foram utilizadas como técnicas de coleta de dados a entrevista semi-estruturada e o grupo focal. Para complementar as informações, utilizou-se também a análise documental. Os sujeitos do estudo foram 37 pessoas, distribuídas de acordo com a sua representação. A análise dos dados foi orientada pela técnica de Análise de Conteúdo, que, por meio da identificação dos núcleos de sentido encontrados nos conteúdos das entrevistas, permitiu definir as categorias de análise. Os resultados revelam que a constituição do Núcleo Fazenda Nova deu-se de forma arbitrária, desconsiderando o desejo dos reassentados de não serem transferidos para aquele local. Conseqüentemente, a participação dos reassentados em prol de melhores condições de vida por meio da organização sociocomunitária ainda não foi deflagrada. Com o processo de transferência ocorreu a fragmentação de sua identidade como ribeirinhos, no entanto, o enfrentamento coletivo das dificuldades socio ambientais permitiu que a identidade de sertanejos do semi-árido fosse construída. Atualmente, os reassentados sentem-se pertencentes à comunidade, superando o esconhecimento inicial. Porém não possuem sentimento de pertença ao local, o que os coloca na perspectiva de novos desenraizamentos.
Description: 152 f.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10167
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertacao_Edinaldo Carmo.pdf1.37 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA