Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/11746
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMarques, Maria Ornélia Silveira-
dc.contributor.authorFornari, Liege Maria Sitja-
dc.creatorFornari, Liege Maria Sitja-
dc.date.accessioned2013-06-06T19:04:14Z-
dc.date.available2013-06-06T19:04:14Z-
dc.date.issued2009-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/11746-
dc.description.abstractA tese trata do fenômeno de formação de professores, que emana dos sentidos construídos pelos docentes durante os primeiros anos de exercício profissional após o término de sua formação em nível superior no curso de Pedagogia da UNEB — Universidade do Estado da Bahia. Sete professores participaram do estudo e seus depoimentos foram registrados em três diferentes suportes: entrevistas, relatos autobiográficos, e manifestação no Grupo Focal. A abordagem qualitativa que serviu como suporte no processo de coleta de dados, objetivou fornecer, em consonância com a perspectiva fenomenológica, múltiplos relatos que permitiram formar um mosaico narrativo, revelativo de heurísticas expressivas das concepções pessoais. As interpretações e reflexões sobre a existencialidade do ser professor foram colhidas nas reuniões do Grupo Focal, e resultaram em 36 horas de gravação. Concomitantemente, foram feitas entrevistas abertas e produção de textos autobiográficos, para ampliar as possibilidades de expressão das singularidades dos atoressujeitos da pesquisa. O fenômeno foi abordado sob a ótica da hermenêutica fenomenológica. O objetivo principal girou em torno da reflexão sobre as construções heurísticas na práxis docente e sua aproximação conceitual com inspirações hermenêuticas, tomando, como fundamento sem fundo, especificamente, a categoria heideggeriana 'cuidado' e a categoria gadameriana 'jogo'. O estudo parte, ainda, de tencionamentos entre visões opostas de formação: formação como preparação para o mercado de trabalho e formação como auto-conhecimento, ancoradas nas dinâmicas vividas na existencialidade de cada um, que se encontravam mobilizados pelo interesse em qualificar a profissão docente. Foram eles os protagonistas das cenas em que as singularidades se encontram num certo modo de fazer a docência emergir. A pesquisa evidencia os contextos e as formas de disputa pelo ser professor no cotidiano do trabalho docente. Os professores revelaram — em suas interpretações do ser-me professor — uma visão complexa da práxis docente e uma sensibilidade capaz de afetar-se, no sentido que lhe dá Larrosa. Inspirada na fenomenologia hermenêutica, busquei dar visibilidade às formas de habitar a profissão docente, acreditando que a reflexividade hermenêutica muito tem a contribuir para a construção de uma compreensão autêntica da profissão. Uma vez que ser e pensar estão no comum-pertencer, concebo a identidade do professor fundada no ser que pensa. Compreende-se que o ser professor é uma das mais complexas profissões, exigindo compromisso e responsabilidades institucionais, coletivas e individuais no que se refere à sua formação.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherPrograma de Pós-Graduação em Educação da UFBApt_BR
dc.subjectTeaching practicept_BR
dc.subjectFormationpt_BR
dc.subjectTeacherspt_BR
dc.subjectFenomenologiapt_BR
dc.subjectEducaçãopt_BR
dc.subjectHermenêuticapt_BR
dc.subjectPrática de ensinopt_BR
dc.subjectFormaçãopt_BR
dc.subjectProfessorespt_BR
dc.subjectHermeneuticpt_BR
dc.subjectPhenomenologypt_BR
dc.titleUma maneira singular de estar no mundo: ser professor.pt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.description.localpubSalvadorpt_BR
Appears in Collections:Tese (PGEDU)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Liege Fornari parte 1.pdfparte 13,67 MBAdobe PDFView/Open
Liege Fornari parte 2.pdfparte 25,42 MBAdobe PDFView/Open
Liege Fornari parte 3.pdfparte 32,85 MBAdobe PDFView/Open
Liege Fornari parte 4.pdfparte 43,96 MBAdobe PDFView/Open
Liege Fornari parte 5.pdfparte 53,81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.