DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Comunicação >
Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas ( POSCOM) >
Dissertações (Pós-com Comunicação e Cultura Comtemporânea) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31692

Title: Música popular massiva na perspectiva mediática: estratégias de agenciamento e configuração empregadas no heavy metal
Authors: Cardoso Filho, Jorge Luiz Cunha
???metadata.dc.contributor.advisor???: Janotti Júnior, Jeder Silveira
Keywords: Semântica;Semiótica;Rock;Grupos de rock;Música popular - Brasil;Performance mediatizada;Canção;Gênero musical;Semiotics;Mediatic performance;Song;Musical genre
Issue Date: 23-Mar-2020
Abstract: Mediante o tratamento da performance mediatizada como um produto das indústrias do entretenimento, essa dissertação examina o modo como as canções de trabalho vinculadas ao gênero musical Heavy Metal e lançadas pelo selo independente Maniac Records, são estrategicamente confeccionadas a fim de produzir sentido. Esses sentidos são construídos a partir da manipulação de gramáticas de produção e reconhecimento, bem como respeito a condições de produção e reconhecimento específicas do Heavy Metal, que podem ser identificadas quando o analista compreende as particularidades do formato canção e do gênero musical. Ao manipular as regras de produção e reconhecimento, determinada estratégia de agenciamento é construída, ao passo que ao negociar quais condições de produção e reconhecimento serão respeitadas, originam-se às estratégias de configuração. A hipótese segundo a qual as canções de trabalho lançadas por um selo independente apresentariam repetições esquemáticas associadas ao gênero musical foi ponto de partida da investigação e, a partir de uma análise inspirada na semiótica, se buscou compreender como esses esquemas eram estrategicamente usados. O exame dessas estratégias se deu em sete performances mediatizadas lançadas entre os anos 2000 e 2003.
Through the compreension of the mediatic performances as a product of the entertainment industries, this dissertation exams the way in wich the work songs associated to the musical genre Heavy Metal and distribuated by the independet record company Maniac Records are strategicly constructed to produce meanings. These meanings are set through the manipulation of production and reception grammar rules, and the respect of certain production and reception condittions, that can be understood when the schollar knows the peculiarities of the musical genre and the popular songs. Manipulating the production and reception grammar rules, a specific agency strategy is produced and negotiating wich production and reception condittions are going to be respected, a specific configuration strategy is produced. Analyzing the work songs of an independent record company it is possible to identify squematic repetitons of the musical genre and, through a semiotics perspective, undestand the way these squematic strategies are used. The exam of these strategies in seven mediatic performances, from 2000 until 2003, is our contribution in this work.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31692
Appears in Collections:Dissertações (Pós-com Comunicação e Cultura Comtemporânea)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Jorge Luiz Cunha Cardoso Filho.pdf10.4 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA