DSpace

RI UFBA >
Escola de Teatro >
Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas (PPGAC) >
Dissertações de Mestrado (PPGAC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27114

Title: O ator na cena cômica: o gesto como via de construção da comicidade
Authors: Souza, Henrique Bezerra de
???metadata.dc.contributor.advisor???: Marfuz, Luiz César Alves
Keywords: Representação teatral;Atores;Cômico;Riso;Teatro;Cena cômica;Jogo;Bergson, Henri, 1859-1941;Theater;Actors;Comic scene;Play;Comic, The
Issue Date: 27-Aug-2018
Abstract: O riso tem sido motivo de reflexão de diversos teóricos e filósofos. Contudo, no campo das artes cênicas, são raros os trabalhos que abordem o ofício do ator na cena cômica sem restringirem-se a formas, gêneros ou estéticas específicas. Diante disso, esta pesquisa busca investigar possibilidades de construção ou potencialização dos efeitos risíveis no trabalho do ator dentro de uma cena cômica através dos gestos. Para isso, são tomados como referencial teórico os pensamentos do filósofo francês Henri Bergson a respeito do riso. A partir dos estudos do pensador e de sua teoria do mecânico colado no vivo, traçam-se paralelos com as reflexões de encenadores como Stanislavski, Burnier e Dario Fo, encontrando neles aproximações com a prática teatral. A partir daí, observa-se no gesto do ator a possibilidade da utilização das reflexões bergsonianas na cena cômica. Do ponto de vista metodológico, são analisadas duas oficinas realizadas com os atores-alunos dos cursos de graduação em Interpretação da Universidade Federal da Bahia (UFBA) e de Licenciatura em Teatro do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE). Estas incursões práticas foram estruturadas a partir de exercícios criados pelas relações entre as ideias de Bergson e a prática teatral. Por meio delas, analisam-se as implicações que a utilização do gesto trouxe à prática destes atores-alunos nas oficinas e suas possíveis contribuições para a cena cômica.
For a long time, laugh has been the subject of reflection for many theorists and philosophers. However, on the performing arts, there are few studies about the actor in the comic scene without restricting itself to forms, genders or specific esthetics. Thus, this research investigates possibilities of building or potentiation of the laughable effects in the actor’s work into a comic scene. For this reason, takes as reference the French philosopher Henri Bergson’s thoughts about laugh. Based on this studies and his theory of mechanical pasted in live, draws parallels with the reflections of directors as Stanislavski, Burnier e Dario Fo, finding it approaches to the theatrical practice. Thereafter, observes the gesture of the actos as a possibility of using the Bergson’s reflections in comic scene. From the methodological view, analyzes two workshops with actors-students of undergraduate courses in Interpreting of Universidade Federal da Bahia (UFBA) and the pedagogy of theater of Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE). These practices were structured from exercises created by the relationships between Bergson’s ideas and theater practical. Through them, analyzes the implications that gesture bring to the practical of these actors-students in the workshops and their possible contributions to the comic scene.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27114
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGAC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
dissertação completa.pdf1.74 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA