DSpace

RI UFBA >
Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos - IHAC >
Programa de Pós-Graduação em Estudos Interdisciplinares Sobre a Universidade (PPGEISU) >
Dissertações de Mestrado (PPGEISU) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/23057

Title: Educação superior em saúde: a contribuição do bacharelado interdisciplinar para a formação em nutrição
Authors: Valverde, Ludmylla de Souza
???metadata.dc.contributor.advisor???: Pimentel, Adriana Miranda
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Soares, Micheli Dantas
Keywords: Ensino Superior;Formação em Nutrição;Formação em ciclos;Bacharelado Interdisciplinar em Saúde
Issue Date: 18-Jun-2017
Abstract: Este trabalho tem por objetivo contribuir para a discussão da formação em saúde, mas especificamente em Nutrição. Inicialmente foi feito um panorama atual da formação em nutrição, no contexto nacional, por meio de uma revisão da literatura, juntamente com uma reflexão das possibilidades de formação que superem os desafios postos ao modelo hegemônico. Percebeu-se que a maioria dos estudos reflete sobre as limitações presente na formação em nutrição, tais como: escasso diálogo com as ciências humanas; incipiente articulação entre teoria e prática; ênfase no biologicismo e tecnicismo. E outro conjunto de artigos apresenta propostas para superação dos limites apontados. Com vistas a contribuir para mudanças necessárias algumas estratégias estão sendo implementadas, com destaque para o Bacharelado Interdisciplinar em Saúde, modalidade inovadora de ensino superior em saúde, almejando superação dos principais problemas identificados na formação de recursos humanos em saúde atualmente. Em seguida foi feito uma breve apresentação desse novo modelo de formação, trazendo alguns estudos desenvolvidos sobre os Bacharelados Interdisciplinares, na literatura nacional, com vistas à reflexão sobre este novo modelo de formação. Segundo análise dos estudos desenvolvidos, o BI possibilita trânsito dos estudantes em diversas áreas do conhecimento, flexibilidade curricular, autonomia no processo formativo, superação do pensamento positivista, formação de um pensamento crítico, amadurecimento para escolha profissional, dentre outras características. Buscando-se, com isto, superar as falhas da formação em saúde tradicional, representando uma possibilidade de mudança, no sentido de formar profissionais de saúde a partir de novos princípios, valores, métodos e práticas. Por fim, foi realizada uma pesquisa de campo com sete estudantes de Nutrição, da UFBA e da UFRB, todos egressos do BIS, através de entrevista narrativa tendo como foco suas trajetórias acadêmicas, com o objetivo de analisar as contribuições dos Bacharelados Interdisciplinares (BI) para a formação em Nutrição, na perspectiva dessas estudantes que vivenciam este processo. As narrativas indicam que o BIS contribuiu significativamente no processo de formação destes estudantes devido à construção do conhecimento acontecer de forma coletiva, dialógica e baseada nas experiências cotidianas. Evidencia-se também a flexibilidade deste modelo, que proporciona autonomia e liberdade aos estudantes, bem como a relação entre os sujeitos por ser pautada no respeito e na horizontalidade. Ademais, a interdisciplinaridade foi fortemente mencionada, por estar como princípio basilar durante todo o processo formativo. Além disso, destaca-se que a nova modalidade de curso caminha na direção da superação de vários limites impostos pelo modelo hegemônico de formação em saúde e em Nutrição.
This work aims to contribute to a discussion of health training, but specifically in Nutrition. Initially, there is a current panorama of nutrition education, with no national context, through a review of the literature, along with a reflection of training possibilities that overcome the challenges posed to the hegemonic model. It was noticed that the majority of the studies reflects on the limitations present in the formation in nutrition, such as: scarce dialogue with the human sciences; Incipient articulation between theory and practice; Emphasis on biologicism and technicalism. And another set of articles presents proposals to overcome the limits mentioned. Behavior for education, education and education, education and education, education and health, education and education. Then a brief presentation of this new training model was made, bringing some studies developed on the Interdisciplinary Bachelor in the national literature, with a view to the reflection on this new training model. According to the analysis of the developed studies, BI allows student traffic in several areas of knowledge, curricular flexibility, autonomy in the formative process, overcoming of positivist thinking, formation of critical thinking, maturation for professional choice, among other characteristics. In this way, we seek to overcome the shortcomings of traditional health education, representing a possibility of change, in the sense of training health professionals based on new principles, values, methods and practices. Finally, a field research was conducted with seven Nutrition students, from UFBA and UFRB, all BIS graduates, through a narrative interview focusing on their academic trajectories, with the objective of analyzing the contributions of Interdisciplinary Bachelor Degree (IB) For the training in Nutrition, from the perspective of these students who experience this process. The narratives indicate that the BIS contributed significantly in the formation process of these students due to the construction of knowledge happening in a collective, dialogic and based on everyday experiences. It also shows the flexibility of this model, which provides students with autonomy and freedom, as well as the relationship between the subjects to be guided in respect and horizontality. In addition, interdisciplinarity was strongly mentioned, since it is a basic principle throughout the formative process. In addition, it is emphasized that the new modality of course is moving towards the overcoming of several limits imposed by the hegemonic model of health and nutrition training.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/23057
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGEISU)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação - Ludmylla de Souza Valverde.pdf1 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA