DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Especialização em Docência na Educação Infantil (EDEI) >
Especialização (EDEI) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/19977

Title: A expressão corporal: desafios e possibilidades no espaço da creche
Authors: Santos, Raquel de Souza
???metadata.dc.contributor.advisor???: Araújo, Ana Lúcia Soares da Conceição
Keywords: Criança;Educação infantil;Creche;Expressão corporal;Children;Child education;Day care;Body language
Issue Date: 3-Aug-2016
Abstract: Este trabalho monográfico tem por objetivo compreender como uma prática pode proporcionar a expressão corporal e movimento das crianças considerando as limitações e possibilidades do espaço na creche. Busca ainda descrever o espaço da creche suas possibilidades e limitações; aprofundar o conhecimento sobre a importância do movimento e psicomotricidade no desenvolvimento da criança; discutir o espaço do corpo em movimento na Educação Infantil e analisar a prática pedagógica na perspectiva da expressão corporal. Teóricos como Foucault (2007); (2014) com a crítica ao disciplinamento e docilização do corpo; Fonseca (2004) e Le Boulch (1988) sobre a importância da Psicomotricidade em sua integração com o cognitivo, afetivo e social como possibilidades fundamentais para o desenvolvimento infantil serviram de suporte para o embasamento e desenvolvimento desse estudo. A abordagem qualitativa de inspiração etnográfica foi norteadora do percurso metodológico, tendo os seguintes procedimentos para a produção dos dados: a observação participante, registros em diário de campo, iconográficos e vídeos. O universo da amostra foi de quinze crianças de três a quatro anos de idade numa turma do segmento creche, da Escola Municipal na cidade de Serrinha-Bahia. O estudo revelou a importância do corpo suas expressões espontâneas precisa de fato afirmar um lugar de destaque na Educação Infantil, no entanto, são necessários esforços e ações mútuas dos envolvidos no contexto educacional no sentido de superar o equívoco muito comum de transposição de responsabilidades.
ABSTRACT This monographic study aims to understand how a practice can provide the body expression and movement of children considering the limitations and possibilities of space in the nursery. Search also describe the nursery space its possibilities and limitations; increase knowledge about the importance of movement and psychomotor development of the child; discuss the body's space movement in kindergarten and analyze the pedagogical practice from the perspective of body expression. Theorists such as Foucault (2007); (2014) with the critique of disciplining and docilization body; Fonseca (2004) and Le Boulch (1988) about the importance of psychomotor in its integration with the cognitive, affective and social possibilities as fundamental to child development would support the foundation and development of this study. The qualitative approach of ethnographic inspiration was guiding the methodological approach, with the following procedures for the production of data: participant observation, records in field diary, iconographic and videos. The universe of the sample was fifteen children three to four years of age in a segment class nursery, the Municipal School in the city of Serrinha, Bahia. The study revealed the importance of the body their spontaneous expressions must actually say a prominent place in kindergarten, however, efforts are needed and mutual actions of those involved in the educational context in order to overcome the very common mistake of implementation responsibilities.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/19977
Appears in Collections:Especialização (EDEI)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Monografia final 08 de julho -.pdf1.5 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA