DSpace

RI UFBA >
Instituto de Letras >
Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura (PPGLINC) >
Dissertações de Mestrado (PPGLINC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/17216

Title: Proposta de instrumento para a avaliação fonológica da Língua Brasileira de Sinais: FONOLIBRAS
Authors: Costa, Roberto
???metadata.dc.contributor.advisor???: Teixeira, Elizabeth
Keywords: Libras (Língua Brasileira de Sinais);Língua de Sinais;Avaliação da linguagem;Fonologia;Processos fonológicos
Issue Date: 20-Mar-2015
Abstract: Essa Dissertação teve o objetivo principal de propor um instrumento para a avaliação fonológica da Língua Brasileira de Sinais (Libras). Adotou-se, como referencial teórico, o modelo prosódico aplicado à língua de sinais (BRENTARI, 1998), apesar de alguns modelos de análise fonológica para as línguas de sinais terem sido sucintamente apresentados. Baseando-se numa perspectiva qualitativa de análise, buscou-se, nos casos estudados, o escrutínio dos processos fonológicos prevalentes em crianças surdas em fase de aquisição da Libras como primeira língua. Participaram desse estudos 4 (quatro) crianças surdas, filhas de pais ouvintes, com faixa etária entre 6 (seis) e 12 (doze) anos, residentes da região metropolitana de Salvador/Bahia. O instrumento elaborado denominado “Proposta de Avaliação Fonológica da Língua Brasileira de Sinais – FONOLIBRAS” contém 50 (cinquenta) figuras, distribuídas nas categorias de: (1) animais; (2) brinquedos; (3) cores; (4) elementos da natureza; (5) frutas; (6) objetos familiares; (7) partes do corpo; (8) pessoas; (9) verbos (ação); e, (10) vestimentas. Esse instrumento utiliza-se da escrita da língua de sinais (SW) para transcrição dos dados. O FONOLIBRAS pontua os sinais eliciados da seguinte maneira: 0 – sinal não eliciado ou sinal “caseiro”; 1 – sinal diferente do esperado, mas pertencente ao mesmo campo semântico da imagem apresentada; 2 – sinal eliciado conforme o esperado, com ou sem processo(s) fonológico(s). Os processos fonológicos encontrados na Libras foram: a assimilação, a elisão, a epêntese e a metátese. Enfim, pôde-se constatar que alguns desafios perseveram no campo da fonologia das línguas de sinais: inventariar todas as possibilidades articulatórias para o parâmetro configuração de mão, a fim de se criar um alfabeto “fonético” para as línguas de sinais; e, consequentemente, convencionar a transcrição fonológica das línguas de sinais. Permanece, também, o desafio de se averiguar e distinguir os processos fonológicos quanto à normalidade e à atipia.
This work aims at proposing an instrument for the assessment of Brazilian Sign Language (Libras) phonology. The theoretical approach concerning “A prosodic model of sign language phonology” (BRENTARI, 1998) was adopted, although some models of phonological analysis applied to sign languages were briefly presented. Based on a qualitative approach, we sought through case studies the scrutiny of prevalent phonological processes in deaf children who are undergoing the process of acquiring in Libras as first language. Four (4) deaf individuals, children of hearing parents, ages from six (6) to 12 (twelve) years old, and residents in the metropolitan region of Salvador/Bahia participated in the study. The instrument developed, called "Proposal of Phonological Assessment of Brazilian Sign Language – FONOLIBRAS" contains 50 (fifty) stimulus pictures, distributed in the following categories: (1) animals, (2) toys, (3) colors, (4) elements of nature, (5) fruits, (6) familiar objects, (7) body parts, (8) people, (9) verbs (action), and (10) clothing. SignWriting (SW) was used as a methodology for data transcription. The FONOLIBRAS scores data elicited taking into account the following: 0 – no signal elicited or “homemade” signals, 1 – sign elicited was different from the expected, but the output belongs to the same semantic field of the displayed image; 2 – sign was elicited as expected, with or without simplifying phonological process(es). Phonological processes observed in Libras were: assimilation, elision, epenthesis and metathesis. Finally, it was noted that some challenges persevere in the field of sign language phonology: an articulatory inventory for all the possibilities concerning the handshape parameter is needed, in order to create a "phonetic" alphabet for sign languages, and, therefore, to make possible establishing a convention for the phonological transcription of sign languages. Nonetheless, the challenge of ascertaining and discriminating phonological processes in terms of normality and atypicality still remains.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/17216
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGLINC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação Fonologia da Libras (versão Pós-Defesa).pdf20.49 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA