DSpace

RI UFBA >
Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos - IHAC >
Programa Multidisciplinar de Pós-Graduação em Cultura e Sociedade (Poscultura) >
Teses de Doutorado (Poscultura) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/14836

Title: Todos contra Hollywood? Políticas, Redes e Fluxos do Espaço Cinematográfico do Mercosul e a Cooperação com a União Europeia
Authors: Canedo, Daniele Pereira
???metadata.dc.contributor.advisor???: Souza, Elisabeth Regina Loiola da Cruz
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Pauwels, Caroline
Keywords: Cultura;Políticas Culturais;Políticas Cinematográficas;Integração Regional;Redes;Fluxos cinematográficos
Issue Date: 22-Apr-2014
Abstract: Esta tese aborda as políticas cinematográficas do Mercado Comum do Sul (Mercosul), e a cooperação inter-regional com a União Europeia (UE), através do Programa Mercosul Audiovisual. O propósito é compreender como tais políticas provocam a conformação de um espaço cinematográfico regional e, por conseguinte, contribuem para a diversidade cultural. Considerando a natureza multidimensional do cinema, a Economia Política da Comunicação e da Cultura orienta a abordagem teórica e conceitual do objeto em estudo. A análise também considera o conceito de governança global da mídia para investigar as complexas relações entre os atores interessados das redes de cinema na região. Neste intuito, esta tese articula pesquisa sobre a constituição de redes formais de governança das políticas cinematográficas com a identificação das redes informais compostas pelos atores do mercado. Por conseguinte, a investigação tem por base uma abordagem multimétodos, com procedimentos quantitativos e qualitativos. O exame das políticas cinematográficas regionais é efetuado através de análise documental e análise histórico-descritiva do contexto no qual essas políticas são elaboradas e executadas. A tese analisa os processos e objetivos da cooperação entre a União Europeia e o Mercosul no setor cinematográfico, de modo a verificar como esta iniciativa reflete a política cinematográfica europeia e quais são os benefícios da cooperação para ambas as regiões. Com base em um banco de dados original que agrega os filmes longas-metragens produzidos no Mercosul de 2004 a 2012, a tese aplica a metodologia de Análise de Redes Sociais para medir o atual nível de integração do espaço cinematográfico do Mercosul. A tese identifica as estruturas das redes, os atores centrais e os fluxos cinematográficos da Argentina, do Brasil, do Paraguai e do Uruguai. A conclusão da pesquisa mostra que existe uma tendência ao intercâmbio do mercado regional no que tange à produção, embora essa tendência não represente a existência de uma cinematografia do Mercosul, mas sim de quatro diferentes indústrias nacionais. Por outro lado, conclui que não existe integração no que concerne a fluxos cinematográficos intrarregionais. Em relação ao Programa Mercosul Audiovisual, a pesquisa conclui tratar-se de uma política incremental que promove articulações das redes formais e informais e contribui para o intercâmbio das cinematografias da região, porém com capacidade limitada para provocar mudanças estruturais no modelo de negócio e na dinâmica de poder das majors locais e de Hollywood.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/14836
Appears in Collections:Teses de Doutorado (Poscultura)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Daniele Canedo_tese_02ABRIL2014.pdf10.03 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA