Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/36381
metadata.dc.type: Dissertação
Title: O papel da educação continuada na formação profissional do bibliotecário de informação jurídica
Other Titles: The role of continuing education in the professional training of legal information librarians
metadata.dc.creator: Moura, Ana Valéria de Jesus
metadata.dc.contributor.advisor1: Barreira, Maria Isabel de Jesus Sousa
metadata.dc.contributor.referee1: Barreira, Maria Isabel de Jesus Sousa
metadata.dc.contributor.referee2: Rocha, Julio Cesar de Sá da
metadata.dc.contributor.referee3: Alves, Fernanda Maria Melo
metadata.dc.description.resumo: A pesquisa trata da educação continuada do bibliotecário que atua em instituições jurídicas, por compreender que a formação generalista do bibliotecário demanda a aquisição de saberes e competências para o desempenho das atividades laborais especializadas. Nesse sentido, a carência de cursos formais no Brasil que propiciem qualificação para o exercício profissional para atender, de forma eficaz, os operadores do Direito, aliada à exígua literatura sobre a prática do bibliotecário jurídico, motivaram a realização deste estudo. A realidade descrita ensejou questionamentos que foram sintetizados na seguinte pergunta: como deve ocorrer o processo de educação continuada do bibliotecário que atua nas instituições jurídicas? Para responder a essa questão foi delineado um objetivo geral: conhecer o processo de educação continuada dos bibliotecários que atuam em instituições jurídicas; e três específicos: levantar o perfil profissional demandado aos bibliotecários que trabalham com informações jurídicas; verificar as dificuldades dos bibliotecários para buscar, tratar, utilizar e disseminar a informação jurídica; averiguar as ações de educação continuada desenvolvidas pelos bibliotecários para atuarem em bibliotecas jurídicas; identificar as perspectivas e desafios para a atuação profissional dos bibliotecários de instituições jurídicas, frente aos paradigmas tecnológicos da sociedade da informação. Para o alcance desses objetivos, a metodologia da presente investigação assume caráter qualitativo, descritivo e exploratório, cuja população são os bibliotecários jurídicos da cidade de Salvador, tendo como amostra 10 participantes, divididos em dois subgrupos de acordo com o ambiente de atuação dos respondentes: grupo 1 - bibliotecários ligados a instituições de ensino superior e grupo 2, aqueles que atuam em instituições, cuja prática jurídica dá suporte informacional aos operadores do Direito. Os resultados mostraram que: a) o perfil profissional majoritariamente pertence ao gênero feminino, com experiência consolidada de atuação na área jurídica, faixa etária acima de 40 anos e pós-graduados; b) as dificuldades mais expressivas no exercício laboral estão atreladas ao pouco domínio da terminologia jurídica, a falta de autonomia nas decisões no âmbito institucional; c) as ações de educação continuada estão ligadas a iniciativas próprias na busca de novos conhecimentos, isto é, cursos, eventos e listas de discussão e/ou por incentivo institucional; d) as perspectivas que se apresentam tem relação com o uso massivo das TIC no ambiente informacional para otimização dos serviços prestados, enquanto os desafios são de ordem financeira, de recursos humanos, de infraestrutura e tecnológica. Conclui-se que os conhecimentos e competências sobre a Biblioteconomia Jurídica adquiridos pela maioria desses profissionais ocorrem de forma autodidata e no exercício da profissão, devido à ausência de ferramentas formais que os habilite para o trabalho em instituições jurídicas. Investimentos nas instituições formativas da Biblioteconomia são necessárias no sentido de oferecer capacitação para os bibliotecários que atuam ou desejam atuar nas diferentes áreas do conhecimento, em especial aqueles devotados a biblioteconomia jurídica.
Abstract: The study is about the continuing education of the librarian who works in legal institutions. The understanding that general education of librarians does not enable them to effectively meet the needs of legal professionals in their demands for legal information, combined with the lack of formal courses in Brazil that provide qualification to work in this area, as well as scarce literature on the practice of law librarians motivated this study. The lack of training aimed at developing specialized skills in legal information is considered in the literature related to the topic and needs to be highlighted, considering that spaces of dialogue in which the subject is discussed don’t have an adequate systematization to achieve this purpose. In discribing that reality, the research has the following question: how shall occur the continuing education process of the librarian who works in legal institutions? To answer this question, a general objective was designed: to know the process of continuing education of librarians who work in legal institutions. The specific objectives consist of: to describe the professional profile that is demanded for librarians who work with legal information; to verify the difficulties of librarians to search, process, use and disseminate legal information; to investigate the continuing education actions developed by librarians to work in law libraries; to identify the perspectives and challenges for the professional performance of librarians of legal institutions, facing the technological paradigms of the information society. To answer the question and achieve the objectives, the methodology of the present investigation assumes a qualitative, descriptive and exploratory genre, whose population is the law librarians of the city of Salvador. The sample made a total of 10 participants which were divided into two subgroups according to the respondents' working environment: group 1 - librarians linked to higher education institutions and group 2 - those who work in institutions whose legal practice provides informational support to legal operators. The results showed that: a) professional profile mostly belongs to the female gender, with consolidated experience in working in the legal area, age group above 40 years old and postgraduation; b) the most expressive difficulties in the work exercise are linked to the lack of mastery of legal terminology, the lack of autonomy in decisions in the institutional scope; c) continuing education actions are linked to own initiatives in the search for new knowledge, that is, courses, events and discussion lists and/or institutional incentives; d) perspectives that were presented are related to the massive use of ICT in the information environment to optimize the services provided, while the challenges are financial, human resources, infrastructure and technology. It is concluded that most of these professionals acquire knowledge and skills about Legal Librarianship in an autodidact way and in exercising the profession, due to the absence of formal tools that would enable them to work in legal institutions. Investments in librarianship training institutions are necessary in order to provide training for librarians who work or wish to work in different areas of knowledge, especially those devoted to legal librarianship.
Keywords: Bibliotecários da área jurídica
Formação profissional
Educação permanente
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal da Bahia
metadata.dc.publisher.initials: UFBA
metadata.dc.publisher.department: Instituto de Ciência da Informação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação 
URI: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/36381
Issue Date: 8-Jul-2022
Appears in Collections:Dissertação (PPGCI)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ana Valéria de Jesus Moura versão final 30102022.pdf1,79 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.