DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Medicina da Bahia >
Artigos Publicados em Periódicos (Medicina) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/4817

Title: Maternal perception and self-perception of the nutritional status of children and adolescents from private schools
Other Titles: Jornal de Pediatria
Authors: Boa Sorte, Ney Cristian Amaral
Neri, Luciana A.
Leite, Maria Efigênia de Queiroz
Brito, Sheila M.
Meirelles, Ana Regina Nogueira
Luduvice, Fábia B. S.
Santos, Jamille P.
Viveiros, Marcela Rodrigues
Ribeiro Júnior, Hugo da Costa
Keywords: Percepção corporal;Sobrepeso;Obesidade infantil;Atividade física;Adolescente
Issue Date: 2007
Abstract: Objetivo: Descrever e comparar a percepção materna e a autopercepção da criança/adolescente do seu estado nutricional, identificando fatores associados a erro na percepção. Métodos: Estudo transversal realizado em Salvador (BA) com 1.741 estudantes entre6e19anos, classificados de acordo com os percentis do índice de massa corporal (IMC) em baixo peso (IMC < p5), eutróficos (p5 ≤ IMC < p85), risco para sobrepeso (p85 ≤ IMC < p95) e sobrepeso (IMC ≥ p95). Perguntas acerca da percepção do peso, padrão de atividade física e realização de dieta foram respondidas por alunos e genitoras. Foram avaliados, através de análise multivariada, fatores associados a erro na autopercepção e percepção materna. Resultados: Houve acerto de 64,7% para a autopercepção e de 75,3% para a percepção das genitoras. O principal fator associado a erro na autopercepção foi a faixa etária entre 6 e 9 anos (OR = 1,59; IC95% 1,15-2,20). Entre as meninas, ter excesso de peso e fazer atividade física foramas características associadas à melhor percepção. Para os meninos, a presença de excesso de peso resultou em maior risco de erro na autopercepção. Entre as genitoras, filhocomexcesso de peso (OR=3,02; IC95% 2,05-4,46) e faixa etária de 6 a 9 anos (OR = 1,88; IC95% 1,28-2,76) foram os fatores associados a erro na percepção. Conclusão: A falta de percepção adequada do peso ocorreu com muita freqüência entre as crianças e suas genitoras, em especial quando havia excesso de peso, fatores que podem representar obstáculos ao correto reconhecimento de alterações nutricionais.
Description: p.349-356
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/4817
ISSN: 1678-4782
Appears in Collections:Artigos Publicados em Periódicos (Medicina)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
v83n4a11.pdf149.07 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA