DSpace

RI UFBA >
Instituto de Saúde Coletiva - ISC >
Dissertações de Mestrado Profissional (ISC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/32236

Title: Situação atual do Centro Docente Assistencial de Fonoaudiologia da Universidade Federal da Bahia: um enfoque sobre os problemas.
Authors: Andrade, Natália Vital de Sales
???metadata.dc.contributor.advisor???: Soares, Catharina Leite Matos
Keywords: Fonoaudiologia;Serviços de Integração Docente-Assistencial;Sistema Único de Saúde;Análise Situacional
Issue Date: 17-Sep-2020
Abstract: O estudo consiste em uma análise situacional do Centro Docente Assistencial de Fonoaudiologia (CEDAF) da Universidade Federal da Bahia (UFBA) no que tange ao seu funcionamento e à articulação com a rede municipal de saúde de Salvador/BA. Trata-se de um estudo de caso descritivo, cuja estratégia metodológica foi baseada no Enfoque por Problemas na perspectiva do Planejamento Estratégico Situacional (PES) de Carlos Matus. A investigação empregou como estratégia metodológica a análise documental, a observação participante, entrevistas semiestruturadas e grupo focal com os atores institucionais. Os resultados demonstraram problemas associados às quatro das cinco categorias de análise, quais sejam: infraestrutura, financiamento, organização e gestão, o que remete a fragilidades no processo de formação dos discentes e na integração da Instituição com a rede municipal de saúde. Dos vinte problemas identificados, dez encontram-se dentro da capacidade de governo e dentro da governabilidade dos atores institucionais, ou seja, são passíveis de intervenção pelos atores institucionais. São eles: ausência de planejamento e programação de ações como prática de gestão, fragilidades na articulação ensino-serviço, insuficiência de documentos normativos, fragilidade na articulação do CEDAF com a rede municipal de saúde, modelo de gestão inadequado, inadequação na porcentagem das metas qualitativas e quantitativas pactuadas entre o CEDAF e a SMS, inadequação entre as metas quantitativas e a capacidade de resposta do serviço, ausência de institucionalização de reuniões administrativas e técnicas, ausência de reuniões para discussão de casos clínicos como parte do processo de trabalho das fonoaudiólogas e desorganização dos processos de trabalho das secretárias. Conclui-se que o CEDAF deve institucionalizar a prática do planejamento estratégico situacional para combater a improvisação de ações e conseguir cumprir com eficácia suas duas importantes funções: ensino e serviço.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/32236
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado Profissional (ISC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISS_MP_Natália_Vital_de_Sales_2019.pdf1.52 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA