DSpace

RI UFBA >
Instituto de Geociências >
Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (OCEANOGRAFIA) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27738

Title: Hidrocarbonetos saturados em sedimentos da zona intermareal na Baía de Todos os Santos - Bahia
Authors: Silva, Carine Santana
???metadata.dc.contributor.advisor???: Queiroz, Antônio Fernando de Souza
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Garcia, Karina Santos
Keywords: Alcanos normais;Isoprenóides;Petróleo;Hidrocarbonetos
Issue Date: 18-Oct-2018
Abstract: A determinação da fonte, transporte e destino de matéria orgânica em ambientes aquáticos frequentemente tem sido vinculada a parâmetros de correlação geoquímica que comparam a abundância relativa de compostos que podem ser associados a fontes naturais ou antrópicas. A existência de diversos sistemas estuarinos na Baía de Todos os Santos (BTS) com regimes hidrológicos e sedimentares próprios, a variabilidade de ecossistemas encontrados e a série de empreendimentos que envolvem a BTS determinam uma possibilidade múltipla de fontes de matéria orgânica. Assim, o objetivo deste estudo foi utilizar hidrocarbonetos saturados alifáticos (alcanos normais e isoprenóides) para identificar e avaliar a distribuição da contaminação de origem petrolífera na zona intermareal da BTS, caracterizando do ponto de vista sedimentológico e físico-químico a área de estudo e, com base nesses aspectos, promover a discussão dos fatores que contribuem para modificação da distribuição e concentração desses compostos. Foram coletadas ao longo de estações (SFC, MA, MD, FA, CA e IG), 32 amostras de sedimento superficial na zona intermareal da BTS, sendo Iguape (IG) considerada como a estação controle. A identificação e quantificação dos hidrocarbonetos saturados alifáticos foi feita por cromatógrafo a gás acoplado a um detector de ionização de chama (GC-FID). A análise granulométrica mostrou a predominância de sedimentos finos em Iguape (IG) associada também aos maiores percentuais de carbono e nitrogênio orgânico. A natureza do nitrogênio presente no substrato se mostrou predominantemente orgânica, havendo, todavia, regiões como aquelas das estações SFC e CA onde são detectados resíduos de nitrogênio inorgânico resultante de aporte de efluentes domésticos. Embora tenha sido detectada a presença de n-alcanos de fontes antrópicas, a introdução biogênica, representados pelas cadeias de carbono ímpares n-C27, n-C29, n-C31 e n-C33 e, em alguns casos, por n-C17 (algas), permanece como um importante componente nas concentrações de n-alcanos totais na área de estudo. Essas contribuições estão associadas à presença de manguezais e a contribuição difusa de diversos rios e canais. Foi possível também com base em uma série de parâmetros geoquímicos identificar áreas pontuais nas estações MD, MA, SFC, FA e CA com presença de aporte de hidrocarbonetos associados a fontes petrogênicas, por vezes associada a uma degradação significativa desses compostos. A estação controle IG foi a área mais preservada, onde os aportes de hidrocarbonetos naturais, sobretudo de origem continental, são mais significativos.
Determining the source, transport and fate of organic matter in aquatic environments has been associated to geochemical correlation parameters which compare the relative abundance of compounds that can be associated to natural or anthropogenic sources. The existence of many estuarine systems at Todos os Santos Bay (BTS) with typical hydrological and sedimentary regimes, the variety of ecosystems found and the quantity of enterprises around BTS determines the numerous possibilities of organic matter sources. The objective of this study was to use saturated aliphatic hydrocarbons (n- alkanes and isoprenoid) to identify and value the oil contamination at the intertidal zone, characterizing the area through a sedimentological and physical-chemical point of view. A number of 32 samples of superficial sediment at the intertidal zone of BTS was collected through some stations (SFC, MA, MD, FA, CA, IG), among which Iguape (IG) is considered the control station. To identify and quantify the saturated aliphatic hydrocarbons it was used a gas chromatograph coupled with a flame ionization detector (GC-FID). Particle size analysis showed the predominance of fine sediments at Iguape (IG), also associated to the biggest percentage of carbon and nitrogen. The nature of nitrogen at the substrate seemed predominantly organic, however there are regions like SFC and CA stations, in which were detected inorganic nitrogen residue from domestic effluent dumping. Although n-alkanes from anthropogenic sources has been detected, the biogenic input, represented by the odd carbon chains n-C27, n-C29, n-C31, n-C33 and, in some cases, by n-C17 (algae), remains as an important compound at the total n-alkanes concentrations, at the studied area. These contributions are associated to the presence of mangrove and to the diffuse contribution of many rivers and channels. It was also possible to identify, based in a series of geochemical parameters, punctual areas at the MD, MA, SFC and CA stations with the presence of dumping of hydrocarbons associated to oil sources, sometimes associated to significant degradation of these compounds. The control station IG was the most preserved area, where the natural hydrocarbon dumping, especially those of continental origin, are more significant.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27738
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (OCEANOGRAFIA)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Monografia_Carine_Santana.pdf2.42 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA