DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Comunicação >
Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (Jornalismo) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27237

Title: Bacubahia: o clipe!
Authors: Povoas, Giovana Almeida
???metadata.dc.contributor.advisor???: Bamba, Mahomed
Keywords: Videoclipe;Vídeo;Audiovisual;Sinestesia;Música instrumental
Issue Date: 4-Sep-2018
Abstract: Esta memória é o resultado da reflexão sobre as duas partes do trabalho de conclusão de curso: uma teórica e outra prática. A primeira se apresenta como o embasamento teórico utilizado para a segunda parte. As páginas que se seguem serão compostas pela memória do videoclipe Bacubahia, que se entende como o registro do processo utilizado neste produto e as teorias envolvidas. Tais teorias compõem o campo de estudos do videoclipe. Logo no inicio, é feito um apanhado histórico da relação música e imagem, passando pela linguagem do vídeo e chegando ao surgimento do formato videoclipe. Em seguida são identificadas algumas tendências da linguagem do videoclipe. Imbricado nas características do vídeo encontramos o conceito de sinestesia que será usado como base para a construção do produto audiovisual. O videoclipe Bacubahia é sobre o artista Emerson Taquari, músico que tem um trabalho instrumental e percussivo. Nesta memória contem a justificativa das escolhas da música e do artista, a minha trajetória e conseqüente relação com o músico e com as áreas de interesses que envolvem a construção do videoclipe. Além, conter o relato de todo o processo de criação, realização e finalização do produto realizado, o Videoclipe Bacubahia.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/27237
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (Jornalismo)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TCC Giovana Povoas 2009.2.pdf374.59 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA