DSpace

RI UFBA >
Instituto de Geociências >
Artigos Publicados em Periódicos (IGEO) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/2553

Title: Magmatismo Alcalino Intraplaca Neoproterozóico No Sul Do Estado Da Bahia: O Batólito Nefelina-Sienítico Itarantim
Other Titles: Revista Brasileira de Geociências
Authors: Cunha, Mônica Prisgsheim da
Conceição, Herbet
Macambira, Moacir José Buenano
Menezes, Rita Cunha Leal
Cunha, Mônica Prisgsheim Da
Rios, Débora Correia
Marinho, Moacyr Moura
Keywords: Nefelina-sienitos. Neoproterozóico. Bahia. Petrologia. Geocronologia;Nepheline-syenites. Neoproterozoic. Bahia. Petrology. Geochronology.
Issue Date: 2005
Abstract: O Batólito Nefelina-Sienítico Itarantim, localizado no extremo sul da Província Alcalina do Sul do Estado da Bahia e com idade Rb-Sr de 727 ± 49 Ma, tem forma de pêra, sendo constituído por sienitos e nefelina-sienitos. Envolvendo este corpo existe uma auréola de fenitos. Os sienitos magmáticos (piroxênio-sienitos com nefelina e biotita-nefelina-sienitos) exibem contatos difusos e mostram-se dispostos como faixas alinhadas NE-SW. A evolução geoquímica identificada permite explicar a diversidade dos piroxênio-sienitos por cristalização fracionada. Todavia, os biotita-nefelina-sienitos, que evoluem com decréscimo do conteúdo de SiO2 e aumento expressivo em Na2O (até 9,6%) e Al2O3 (até 23,5%), refletem, provavelmente, cristalização em sistema aberto com forte influência de fluidos peralcalinos, como testemunham a presença dos fenitos e o enriquecimento em Zr (até 5.100 ppm), Hf (até 141 ppm), Th (até 117 ppm), U (até 74 ppm), Ta (até 169 ppm) e Nb (até 1372) nos diques. Os valores dos epsílons de Nd e Sr posicionam as rochas deste batólito na array mantle com assinatura geoquímica de OIB. As idades modelos TDM obtidas de 1,1 Ga correspondem à colocação de magmas máficos toleiíticos nesta região. Estes dados apontam para que o magmatismo anorogênico Itarantim, provavelmente controlado pela geossutura NE-SW, represente o segmento do rifte de idade correspondente no Cráton do W-Congo, onde o magmatismo alcalino se expressa por riolitos, sienitos e carbonatitos.
Description: p.47-58
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/2553
ISSN: 1415-2177
Appears in Collections:Artigos Publicados em Periódicos (IGEO)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
10087-33637-1-PB.pdf845.5 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA