DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-Graduação em Imunologia - (PPGIM) >
Dissertações de Mestrado (PPGIM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24907

Title: Efeito anti-inflamatório de derivado N-acil-hidrazona (HAH2) em modelo murino de inflamação alérgica das vias aéreas inferiores
Authors: Cerqueira, Jéssica Vieira
???metadata.dc.contributor.advisor???: Soares, Milena Botelho Pereira
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: França, Luciana Souza de Aragão
Keywords: Asma;inflamação alérgica experimental;N acil-hidrazonas
Issue Date: 21-Dec-2017
Abstract: Estima-se que cerca de 334 milhões de pessoas em todo mundo sofram de asma, e essas estimativas, bem como a gravidade dos sintomas, têm aumentado nas últimas décadas. A asma é uma doença inflamatória crônica, complexa e heterogênea, caracterizada por obstrução das vias aéreas inferiores. Atualmente os glicocorticóides são os fármacos mais utilizados no tratamento e controle dos sintomas da asma, porém seu uso prolongado pode causar efeitos adversos graves. Um grupo químico que tem demonstrado efeitos farmacológicos benéficos, como anti-inflamatórios, é o das hidrazonas, apresentando na sua estrutura básica centros ativos compostos por carbono e nitrogênio, os principais responsáveis pelas propriedades físicas e químicas da hidrazonas. O composto HAH2 (3,5-dinitro-N’-(2-(4mitrofenil)hidrazino)propano-2-ilideno)benzohidrazida) é um derivado de N-acil-hidrazonas, que fazem parte de uma família de hidrazonas com estrutura química frequentemente utilizada para design de novos fármacos e de compostos heterocíclicos. O objetivo desse trabalho foi investigar o efeito terapêutico do HAH2 em modelo murino de inflamação alérgica das vias aéreas. Camundongos BALB/c foram sensibilizados e desafiados com ovalbumina por cinco dias consecutivos. O tratamento com HAH2 foi realizado por via oral 1 hora antes do desafio com antígenos. A administração de HAH2 causou redução da celularidade e dos eosinófilos no BALF (BALF, do inglês broncho-alveolar lavage fluid). O tratamento com HAH2 também reduziu citocinas do perfil de resposta Th2, IL-4, IL-5 e IL-13, de modo semelhante ao observado em camundongos tratados com dexametasona. Em contrapartida, a produção de IgE não foi significativamente alterada após o tratamento com HAH2. Os animais que receberam o tratamento com HAH2, também tiveram uma redução do infiltrado de leucócitos no tecido pulmonar, quando comparados com o grupo que recebeu apenas o veículo como tratamento. Além disso, foi observado uma redução na produção de muco dos animais tratados quando comparados com os que receberam apenas veículo. Os resultados mostraram que o composto HAH2 possui característica imunomodulatória, sugerindo potencial terapêutico para tratar doenças alérgicas.
It is estimated that about 334 million people worldwide suffer from asthma, and these estimates, as well as the severity of symptoms, have increased in the last decades. Asthma is a chronic, complex and heterogeneous inflammatory disease, characterized by obstruction of the lower airways. Glucocorticoids are currently the most widely used drugs in the treatment and control of asthma symptoms, but their prolonged use can cause serious adverse effects. A chemical group that has demonstrated beneficial pharmacological effects, such as anti-inflammatories, is that of hydrazones, presenting in its basic structure active centers composed of carbon and nitrogen, the main ones responsible for the physical and chemical properties of the hydrazones. The HAH 2 compound (3,5-dinitro-N’-(2-(4mitrofenil)hidrazino)propano-2-ilideno)benzohidrazida) is derived from the N-acyl-hydrazones, which are part of a hydrazone family of chemical structure often used to design novel drugs and heterocyclic compounds. The objective of this study was to investigate the therapeutic effect of HAH2 in an murine model of allergic airway inflammation. BALB/c mice were sensitized and challenged with ovalbumin for five consecutive days. Treatment with HAH2 was performed orally 1 hour prior to challenge with antigens. Administration of HAH2 caused reduction of cellularity and eosinophils in BALF (broncho-alveolar lavage fluid). Treatment with HAH2 also reduced cytokines in the Th2 response profile, IL-4, IL-5 and IL-13, similar to that seen in mice treated with dexamethasone. In contrast, IgE production was not significantly altered after treatment with HAH2. Animals that received HAH2 treatment also had a reduction in leukocyte infiltrate in lung tissue when compared to the group that received only vehicle as treatment. In addition, a reduction in the mucus production of the treated animals was observed as compared to those receiving vehicle alone. The results showed that the compound HAH2 possesses immunomodulatory characteristics, suggesting therapeutic potential to treat allergic diseases.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24907
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGIM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO-MESTRADO JESSICA.versaofinal.pdf1.54 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA