DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas (FFCH) >
Programa de Pós-Graduação em Antropologia (PPGA) >
Dissertações de Mestrado (PPGA) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24009

Title: O capital no deserto: a soja, as vacas e o dinheiro no Oeste baiano
Authors: Gracia, Ane Sesma
???metadata.dc.contributor.advisor???: Marques, Diego Ferreira
Keywords: Soja – Produção - Bahia.;Funcionário rural.;Agroindústria – Desenvolvimento - Bahia.;Carne - Produção.;Trabalhadores rurais – Oeste da Bahia.
Issue Date: 17-Aug-2017
Abstract: Nesta dissertação, analiso a partir do desenvolvimento da agroindústria da soja no oeste baiano, as experiências de um grupo de homens que são funcionários das fazendas encarregadas da produção de soja. Apresento, pois, uma análise do processo produtivo da soja, a partir da narrativa dos trabalhadores, para compreender como estes se expressam dentro do que denominei de funcionários rurais, de modo que permite pensar como a reprodução de uma forma particular da vida material no capitalismo produz determinados tipos de experiência humana. Neste processo, é analisado também o sentido de temporalidade que adquire as diferentes noções de tempo neste contexto. E, por último, são colocadas algumas das formas de dominação e resistência que se manifestam neste contexto. Ao longo do texto, procuro mostrar uma realidade social fruto de uma cultura e dinâmica socioeconômicas concretas, que transformam os espaços, convertendo-os em parte da maquinaria mundial de produção de carne a nível internacional, considerando que a produção de soja é pensada principalmente com a intencionalidade de torná-la ração para o gado industrializado.
Along this thesis, I analyze through the experiences of laborer men working in the soya farms, the development of the agroindustry of soya beans in the west of Bahía. I made an analysis of the soya beans production process through these experiences to understand how they express inside what is called as rural laborer. In this way it will let us know the way the capitalism produces different human experiences. In this process, I will reflect on the sense that temporality acquires through the different “time” notions described in this context. Finally, I will show different domination and resistance forms that grow up along this context. Throughout the text I have the aim of showing up the social reality that has been grown up inside a particular culture and economic situation. The soya beans production is been done mainly for the production of feed for industrialized cattle, becoming them in an essential part of the worldwide massive meat production.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24009
ISSN: 338.177181
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGA)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
dissertação .pdfDissertação Ane Sesma Gracia6.08 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA