DSpace

RI UFBA >
Escola de Enfermagem >
Programa de Pós-Graduação em Enfermagem (PPGENF) >
Dissertações de Mestrado (PPGENF) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/23602

Title: Cuidados de enfermagem à mulher com dor do parto: transformações a partir da pesquisa-ação participativa
Authors: Silva, Márcia Fernandes
???metadata.dc.contributor.advisor???: Nascimento, Enilda Rosendo do
Keywords: Enfermagem;Saúde da Mulher;Dor do Parto;Métodos Não Farmacológicos;Pesquisa-ação participativa
Issue Date: 18-Jul-2017
Abstract: Evidências científicas apontam o excesso de intervenções prejudiciais na atenção às mulheres durante o parto, causando desconforto e dor. O uso de métodos não invasivos e não farmacológicos para alívio da dor do parto implica na participação efetiva da equipe de enfermagem. Objetivo geral: transformar o cuidado de enfermagem às mulheres durante o parto, por meio da utilização de métodos não farmacológicos para alívio da dor. Objetivos específicos: sensibilizar profissionais de enfermagem para o cuidado à mulher com dor do parto; analisar a percepção das profissionais de enfermagem sobre o parto; descrever o conhecimento sobre o cuidado às mulheres por meio do uso de métodos não farmacológicos de alívio da dor e construir coletivamente uma proposta de estratégias para a utilização de métodos não farmacológicos para alívio da dor do parto. Metodologia: estudo descritivo de natureza qualitativa utilizando a abordagem da pesquisa-ação participativa em saúde. Participaram do estudo 18 profissionais de enfermagem de um hospital na Bahia. Os dados foram organizados no software Atlas.ti, categorizados e analisados. Resultados: As participantes percebem o parto normal como experiência positiva; a dor do parto foi descrita como intensa, porém naturalizada; conhecem métodos não farmacológicos de alívio da dor e o definem como um cuidado qualificado. Bola, cavalinho, massagem, banho, deambulação, musicoterapia e aromaterapia foram os métodos mais citados e também utilizados pelas participantes. As dificuldades para realização do cuidado são insuficiência de pessoal; ambiente inadequado; despreparo de profissionais e de acompanhantes; e dificuldade na interação da equipe. As estratégias desenvolvidas foram: oficina de capacitação para o uso dos métodos não farmacológicos de alívio da dor, alocação de espaço destinado ao uso dos métodos pelas mulheres em trabalho de parto, elaboração e divulgação local de tecnologias educativas sobre estes métodos. Ao final da pesquisa, verificamos que o total de mulheres atendidas que utilizaram métodos não farmacológicos para alívio da dor dobrou, em relação à média dos seis meses anteriores, passando de 10% para 23%. Conclusão: A experiência evidencia a importância da utilização da abordagem participativa como mediadora de transformações nas práticas de cuidado em saúde, tanto do ponto de vista da melhoria da qualidade do cuidado prestado às mulheres, como na criação e fortalecimento de vínculos entre as profissionais. A pesquisa possibilitou, ainda, aprofundamento da integração ensinoserviço e maior inserção social do Programa de Pós-graduação em Enfermagem
Scientific evidence points to the excess of harmful interventions in the care of women during labor, causing discomfort and pain. Noninvasive, non-pharmacological labor pain relief methods are recommended by the Ministry of Health, especially in the last five years. To its use is necessary the adoption of a model of care for women with appreciation for natural labor and inclusion of nurses in care management services to normal delivery, resulting in the effective participation of the nursing team. However, research in Brazil show low use of nonpharmacological strategies to relieve labor pain, like the hospital study. So, it is configured as a study problem: how nursing professionals can change their practice in the care of women with pain in labor using non-pharmacological methods? Overall objective: to transform nursing care to women during labor, through the use of non-pharmacological methods of pain relief. Specific objectives: to sensitize the nursing professionals to care for women with pain in labor; describe the perception of nursing professionals on delivery; describe knowledge about care for women through the use of non-pharmacological methods of pain relief, and build collectively an strategy proposes for the use of non-pharmacological methods for pain relief in labor. Methodology: A descriptive qualitative study using the approach of participatory action research in health. Study participants were 18 nursing professionals from a hospital in Bahia. Data were organized in Atlas.ti software, categorized and analyzed using thematic content analysis. Results: The participants perceive normal labor as a positive experience; labor pain has been described as intense, but naturalized; They know nonpharmacological methods of pain relief and define it as a skilled care. Ball, horse, massage, bathing, walking, music therapy and aromatherapy were the most frequent methods, also used by participants. The difficulties for the realization of care are insufficient staff; inadequate environment; unpreparedness of professionals and companios; and difficulty in team interaction. The actions were: sensitization and training workshops to equip professionals to the use of non-pharmacological methods of pain relief, space allocation to meet women who wished to use these methods during labor, development of educational technologies on use these methods. At the end of the survey, we found that the total number of women attending who used non-pharmacological methods for relief of pain doubled, compared to the average of the preceding six months, from 10% to 23%. Conclusion: The experience highlights the importance of using participatory approach as a mediator of changes in health care practices, for both points of view of improving the quality of care provided to women, as in the creation and strengthening of links between professionals. The research also resulted in a deeper integration between teaching and service and greater social inclusion of the Post-Graduate Nursing
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/23602
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGENF)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
dissertacao_-_marcia_fernandes_silva.pdf2.98 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA