DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-Graduação Multicêntrico em Bioquímica e Biologia Molecular (PMBqBM) >
Dissertações de mestrado (PMBqBM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/21769

Title: Estudos das características angiogênicas das células troncos mesenquimais de lipoaspirado no transplante de ilhotas pancreáticas
Authors: Silveira, Brysa Mariana Dias
???metadata.dc.contributor.advisor???: Fortuna, Vitor Antônio
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Labriola, Letícia
Keywords: Células Tronco Mesenquimais;Angiogênese;Ilhotas Pancreáticas
Issue Date: 28-Mar-2017
Abstract: O transplante de ilhotas pancreáticas é uma alternativa promissora no tratamento do Diabetes Tipo 1. Entretanto, após o isolamento há perda de uma massa considerável da amostra, prejudicando o sucesso do transplante. O co-cultivo de células tronco mesenquimais , com ilhotas pancreáticas contribui para a melhoria da qualidade do enxerto. O objetivo do trabalho foi a avaliação in vitro do potencial angiogênico do meio condicionado (MC)de células tronco mesenquimais de tecido adiposo (CTMAD), por meio da revascularização e aumento da viabilidade das ilhotas pancreáticas. As células obtidas de 8 amostras de lipoaspirado foram caracterizadas (citometria de fluxo) e testadas quanto ao potencial multilinhagem. Para avaliação do potencial angiogênico , coletou-se MC em normóxia e hipóxia. Utilizou-se modelo com HUVEC para ensaio de migração e proliferação celular e ilhotas de ratos para análise da viabilidade intra ilhota. Análise proteômica foi realizada para avaliação da qualidade do MC. Dados obtidos demonstraram que HUVEC cultivadas na presença dos MC apresentaram aumento da capacidade proliferativa, migratória e redução do índice de apoptose. O MC em normóxia demonstrou maior capacidade angiogênica (p<0.001) e proliferativa (p<0.05) comparado ao MC em hipóxia. Ambos os MC estimularam a migração celular (p<0.01) e induziram a expressão da proteína Akt fosforilada em HUVEC. A presença de fatores de crescimento nos MC deu suporte aos efeitos observados no estudo. Desta forma, pode-se concluir que os MCde CTM-AD apresentam grande potencial para manutenção da integridade de ilhotas pancreáticas recém isoladas, devido aos seus efeitos protetor e angiogênico.
The islet transplantation is a promising alternative in the treatment of Diabetes Type 1. Nevertheless, after isolation there is loss of a part sample, hurting transplant sucess. Co-cultivation of mesenchymal stem cells with pancreatic islets contributes to improving the quality of the graft. The objective of this study was to evaluate in vitro angiogenic potential CM from MSC-AT through revascularisation and increase the viability of pancreatic islets. The cells obtained from 8 lipoaspirate samples were characterized (flow cytometry) and tested for multilineage potential. To evaluate the angiogenic potential, was collected CMs in normoxia and hypoxia. HUVEC model were used to migration and proliferation cell assay and rat islets for analysis intra islet viability. Proteomic analysis was performed to evaluate the CM quality. Results obtained showed that HUVEC cultured with CMs exibith increased proliferative, migratory capacity and reduced apoptosis index. CM in normoxia showed greater angiogenic capacity (p <0.001) and proliferative (p <0.05) compared to the CM in hypoxia. Both CM stimulated cell migration (p <0.01) and induced expression of the phosphorylated Akt protein on HUVEC. The presence of growth factors in CM gave support to the effects seen in this study. Thus, one can conclude that MSC-AT CM have great potential for maintaining the integrity of freshly isolated pancreatic islets due to its protective and angiogenic effects.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/21769
Appears in Collections:Dissertações de mestrado (PMBqBM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação Brysa Mariana Dias Silveira_PMBqBM-UFBA.pdf10.11 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA