DSpace

RI UFBA >
Instituto de Psicologia >
Programa de Pós-Graduação em Psicologia (PPGPSI) >
Dissertações de Mestrado (PPGPSI) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/20943

Title: A clínica psicanalítica com crianças em um centro de atenção psicossocial infantojuvenil: interfaces e controvérsias
Authors: Góes, Carla Martins de Carvalho
???metadata.dc.contributor.advisor???: Fernandes, Andréa Hortélio
Keywords: CAPS i;Clínica psicanalítica;Saúde mental;Psicanálise infantil;Psicologia infantil
Issue Date: 31-Oct-2016
Abstract: No trabalho psicanalítico com crianças em um Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil, CAPS i, os desafios da clínica psicanalítica propriamente dita, com o real da psicose e da neurose grave se presentificando em casos de profundo desamparo psíquico, social e econômico, associados ao cunho coletivo do trabalho em instituição, convoca o psicanalista a questionar a operacionalidade dos dispositivos clínicos da psicanálise nesse campo multidisciplinar. A partir das experiências clínicas conduzidas nos CAPS, a psicanálise traz para a discussão a tensão existente nesse campo entre a clínica e a política, destacando a importância da articulação e do enlace entre os saberes para o exercício da clínica nesse espaço, porém poucas evidências desse diálogo são encontradas, principalmente no que diz respeito ao atendimento de crianças. Assim, a presente pesquisa pretende analisar como o discurso analítico na clínica com crianças pode se articular com os outros discursos presentes em um CAPS i e contribuir na direção do tratamento, à luz de recortes clínicos do caso de um menino de nove anos atendido por mim. Para tanto, examinou-se a especificidade da clínica psicanalítica com crianças; identificou-se o lugar da criança nas estruturas discursivas presentes nos laços sociais, tomando como a referência a teoria dos quatro discursos de J. Lacan, a fim de: analisar os discursos e práticas presentes no CAPS i; observar o tratamento dado ao sintoma e o manejo da transferência realizado pelo discurso do analista em meio aos demais discursos em um CAPS i; e, por fim, examinar a articulação entre os discursos na direção do tratamento de uma criança em um CAPS i. Esse estudo teve como referencial teórico a psicanálise e utilizou como método a construção de caso clínico. A realização dessa pesquisa torna-se relevante por possibilitar ampliar a discussão sobre crianças em sofrimento psíquico na saúde pública e seu tratamento em um CAPS i, deslocando o eixo discursivo do transtorno ou deficiência para o campo da estruturação subjetiva na interface dos campos da psicanálise, saúde mental e psiquiatria, fornecendo subsídios para a sustentação da teoria e da prática psicanalítica com crianças na saúde pública.
In the psychoanalytic work with children placed into Psychosocial Care Center for children and youth, CAPS i, the challenges of the psychoanalytic clinic itself, with the real of the psychosis and neurosis taking places in the severe cases of psychoanalytical, social and economic helplessness, associated to the difficulties of the job in a collective institution, convokes the psychoanalyst to question the functionnalty of clinical tools in this multidisciplinary field. On the bases of clinical experiences conducted in the CAPSs, the psychoanalysis brings to the discussion the conflict that exists between the clinic and the politic, pointing out the importance of the articulation between the knowledges that makes possible the exercise of the clinic in this space. However, there are a few evidences of this dialogue, especially in regards to the child’s assistance. Therefore, the present research intends to analyse how the analytic discourse about the child clinic can be articulated with others discourses presents in a CAPS i and contributes on the direction of the treatment, based on the clinical case of a nine years old boy which was my patient. To reach this goal, the specifies of the child analytic clinic was examined and the place of the children in the discourse’s structures in the social bond was identified, based on the Theory of four discourses of Jacques Lacan, intending to analyse the discourses and practice in CAPS i according to the Athos case; to analyse the treatment given to the symptom and to the management transfer in the analyst's discourse in between the others discourses in a CAPS i; and. finally, to exam the articulation between the discourses in the way to the treatment of a child in a CAPS i. This study is based on the psychoanalysis’s theory and will have as a method the construction of a clinical case. This research is relevant because it provides an ample discussion about children in public care who suffer psychology and their treatment in a CAPS i, shifting the focus of the discussion from the deficiency to the field of the subjective structuring in the different interfaces of psychoanalysis, mental health and psychiatry, hence, providing evidence to support the theory and psychiatric practice with children in public health.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/20943
ISSN: Dissertação
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGPSI)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação Carla - Versão Final para a Publicação UFBa.pdf1.55 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA