DSpace

RI UFBA >
Instituto de Geociências >
Programa de Pós-Graduação em Geoquímica: Petróleo e Meio Ambiente (POSPETRO) >
Artigos Publicados em Periódicos (POSPETRO) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/20052

Title: APICUM: TRANSIÇÃO ENTRE SOLOS DE ENCOSTAS E DE MANGUEZAIS
Authors: Hadlich, Gisele Mara
Ucha, José Martin
Celino, Joil José
Keywords: Neossolo quartzarênico hidromórfico sódico,;erosão,;planícies hipersalinas de supra-maré
Issue Date: 1-Jan-2008
Publisher: IFBA
Citation: UCHA, J. M. ; HADLICH, G. M. ; CELINO, J. J. . Apicum: transição entre solos de encostas e de manguezais. E.T.C. Educação, Tecnologia e Cultura, v. 5, p. 58-63, 2008.
Abstract: Apicuns são áreas hipersalinas, adjacentes a manguezais, encontradas em diferentes regiões da costa brasileira. Um transecto foi amostrado em um apicum no município de Jaguaripe (BA) com o objetivo de caracterizar esse ambiente pouco estudado cientificamente. As 14 amostras coletadas foram analisadas segundo parâmetros físicos e químicos (granulometria, pH, M.O., salinidade). Os apicuns, predominantemente arenosos, formam-se em bordas de manguezais a partir da erosão de encostas adjacentes, podendo recobrir o mangue e provocando sua morte. Horizontes de antigo solo de manguezal foram encontrados em profundidade, abaixo do pacote sedimentar arenoso superficial que caracteriza o apicum. A fixação de vegetação no apicum é impedida pela presença excessiva de sais que se acumulam na superfície devido à evaporação da água salina que alcança esses ambientes em períodos de marés elevadas. O acúmulo de sais, variável ao longo do apicum, está relacionado à dinâmica hídrica local, associada às marés, à profundidade da rocha e ao aporte de água pluvial no sistema. A inexistência de vegetação impossibilita definir todo o apicum como “solo”; entretanto, em áreas onde a salinidade é menor, sobretudo devido a escoamento de águas pluviais, há a instalação de espécies halófitas sobre Neossolos quartzarênicos hidromórficos sódicos ou Neossolos quartzarênicos sódicos.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/20052
ISSN: 2525-3859
Appears in Collections:Artigos Publicados em Periódicos (POSPETRO)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Repositório 6.pdf5.14 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA