DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-Graduação em Imunologia - (PPGIM) >
Dissertações de Mestrado (PPGIM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/19842

Title: Estudo de Associação entre HLA e Periodontite Crônica Severa
Authors: Juiz, Paulo José Lima
???metadata.dc.contributor.advisor???: Lemaire, Denise Carneiro
Keywords: HLA;Polimorfismo;Periodontite
Issue Date: 27-Jul-2016
Abstract: A doença periodontal (DP) é representada por um conjunto de processos inflamatórios e infecciosos que acometem os tecidos periodontais, de etiologia multifatorial, localização sítio-depedente, caracterizada pela interação microrganismo-hospedeiro na superfície do periodonto. Tradicionalmente, a periodontite era analisada estritamente segundo o agente etiológico bacteriano resultado de uma infecção subgengival por um biofilme dental onde os principais microrganismos colonizadores são Porphyromonas gingivalis, Actinobacillus actinomycetemcomitans e Tanerella forsythensis. Somente parte da variabilidade da doença periodontal na população pode ser explicada levando em questão a etiologia bacteriana. É sabido que a susceptibilidade a DP esta relacionada também a uma predisposição genética. No presente estudo foi investigada a associação entre o HLA e a Periodontite crônica severa (PCS) em pacientes mestiços, na faixa etária de 30 a 50 anos, sem distúrbios sistêmicos, residentes em Salvador-BA. Um total de 84 indivíduos foi estudado, sendo 43 pacientes com periodontite crônica severa e 41 indivíduos sem periodontite que constituíram o grupo controle. A avaliação dos parâmetros clínicos se fez por meio do índice de placa visível, índice de sangramento gengival, profundidade de sondagem, recessão gengival, nível de inserção clínica, grau de mobilidade dental e grau de envolvimento de furca. Dentes com coroa totalmente destruída por cárie, com aparelho ortodôntico fixo e parcialmente erupcionados foram excluídos do estudo. A determinação dos alelos dos loci DRB e DQB foi feita pelo método PCR-SSP. Não foi observada diferença estatisticamente significante entre as freqüências dos alelos identificados no grupo de pacientes com PCS e no grupo controle.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/19842
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGIM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação_ICS_ Paulo José Lima Juiz.pdf486.76 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA