DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas (FFCH) >
Programa de Pós-Graduação em Estudos Interdisciplinares sobre Mulheres, Gênero e Feminismo (PPGNEIM) >
Teses de Doutorado (PPGNEIM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/18874

Title: Experiências de envelhecimento de pessoas casadas: identidades, estilos de vida e projetos
Authors: Barreto, Maria da Conceição
???metadata.dc.contributor.advisor???: Motta, Alda Britto da
Keywords: Envelhecimento;Relações de gênero;Identidade;Estilos de vida;Projetos de vida;Aging;Gender relationships;Identity;Life styles;Life projects
Issue Date: 18-Apr-2016
Abstract: Esta tese tem como objeto as experiências de envelhecimento de pessoas casadas, com idade a partir dos cinqüenta anos e residentes em Salvador e Região Metropolitana. O objetivo é analisar as narrativas dessas pessoas sobre os significados do envelhecimento, a fim de compreender como elas constroem suas identidades e como vivenciam esse processo. Os dados foram obtidos através de entrevistas semi-estruturadas, realizadas individualmente, nas residências dos (as) participantes. As experiências retratadas e examinadas identificam sentimentos e significados relativos a situações vividas no envelhecimento e sugerem a influência de valores e normas vigentes na nossa sociedade. Nesse sentido, o envelhecimento exige negociação constante da pessoa com as formas sociais existentes, configurando-se como uma categoria instável, sujeita às transformações sociais, assim como às dinâmicas dos cursos de vida individuais. Tal compreensão vincula-se ao princípio de que, embora homens e mulheres percebam seu processo de envelhecer, expressando-o mediante conotações positivas e negativas, há variação nessas interpretações que mostra o caráter subjetivo da velhice e revela a dificuldade em estabelecer uma identidade única para o grupo pesquisado. O estudo confirma a importância da categoria gênero na visualização das construções sociais do envelhecimento, expondo as relações simbólicas, normativas, institucionais e subjetivas nessas construções. No âmbito conjugal, os resultados indicam que as relações entre marido e mulher são influenciadas pela ideologia patriarcal, evidenciada através da estilização de vida dos casais. Por fim, a pesquisa identifica que há desconstrução da categoria velhice entre os pesquisados, pela utilização de estratégias para tentar adiar os sinais da idade e fugir dos estigmas e classificações etárias. Como a idade comporta um sentido ideológico, envolve a avaliação da pessoa e do grupo do qual faz parte, possibilitando delinear expectativas de relacionamentos e atividades em que é atribuído um lugar para cada pessoa. This dissertation aims at the aging experiences of married people, aged fifty years or older and living in Salvador and its Metropolitan Region. Its objective is to analyze their narratives about the meanings of getting old, in order to understand the way they develop their identities and experience this process. The data were gathered through semi-structure and individual interviews performed at the participants‟ homes. The experiences that were portrayed and examined identify feelings and meanings related to situations experienced at aging and suggest the influence of values and standards in force in our society. In this sense, aging requires the ongoing negotiation of the person with the existing social forms, and thus it is shaped as an unstable category, subject to social transformations, as well as to the dynamics of the individual courses of life. The referred understanding is related to the principle that although men and women perceive their aging processes, expressing them through positive and negative connotations, the diversification of these interpretations shows the subjective feature of aging and reveals that it is difficult to establish a unique identity for the researched group. The study confirms the importance of the gender category in the visualization of the social formations of aging, exhibiting the symbolic, normative, institutional and subjective relationships that were formed. Within the scope of the married couples, the results show that the relationships between husband and wife are influenced by the patriarchal ideology, made clear through the couples‟ life styles. Lastly, the research indicates the deconstruction of the old age category amongst the ones that were researched, by using strategies to try to postpone the age signals and thus run away from the stigmas and age classifications. Since age comprises an ideological sense, the person and the group he or she belongs to is assessed, so that the expectancies and relationships are outlined and a place is assigned to each person.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/18874
Appears in Collections:Teses de Doutorado (PPGNEIM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE DE MARIA DA CONCEIÇÃO BARRETO.pdf1.68 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA