DSpace

RI UFBA >
Instituto de Saúde Coletiva - ISC >
Dissertações de Mestrado Acadêmico (ISC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/18302

Title: O que é inovação em Saúde Pública?
Authors: Magalhães, Poliana Rebouças de
???metadata.dc.contributor.advisor???: Souza, Luis Eugenio Portela Fernandes de
Keywords: Inovação;Inovação em Saúde Pública;Mudança Técnica em Saúde Pública
Issue Date: 27-Nov-2015
Abstract: Atualmente, muito tem se falado sobre inovações. Na área da saúde, o termo “inovação” também tem sido muito utilizado, sobretudo na área da assistência médico-hospitalar. Os serviços de saúde, contudo, têm um importante componente relacionado às ações de promoção de saúde e de prevenção de doenças, características da Saúde Pública. Em se tratando especificamente da Saúde Pública, há sentido em se falar de inovações? O que caracterizaria uma inovação em Saúde Pública? Assim, o objetivo geral dessa dissertação é discutir o conceito de Inovação em Saúde Pública. A pesquisa foi feita com base em uma revisão da literatura sobre “inovação”, “desenvolvimento tecnológico”, “mudança tecnológica”, “inovação em saúde” e “inovação em Saúde Pública”, por meio da busca de artigos científicos, monografias, livros e outros documentos publicados. No que se refere à discussão sobre inovação tecnológica, foram encontradas abordagens teóricas clássicas, neoclássicas, schumpeterianas, neoschumpeterianas, abordagem linear e hipótese da demanda, visão cepalina, teoria da dependência e a teoria crítica. Na discussão sobre inovação em saúde, em geral, encontram-se dois temas: inovações médico-hospitalares e inovações relacionadas aos processos de trabalho. Sobre inovação em Saúde Pública especificamente, as discussões se centram na evolução das tecnologias utilizadas nas ações de Saúde Pública. Analisando este conjunto de estudos, é possível definir inovação em Saúde Pública como uma mudança técnica ou uma nova forma de atuar no processo de trabalho relativo à promoção da saúde ou à prevenção de doenças, que produz efeitos na situação epidemiológica de uma determinada população. Além disso, observou-se, nesta revisão, que as inovações em Saúde Pública possuem certas características próprias: a exigência de interação de diversos entes (governo, universidade, centros de pesquisa, laboratórios); o recurso freqüente a estratégias interdisciplinares e intersetoriais; a ênfase nas inovações organizacionais e de processos, mais do que nas inovações de produtos; o forte impacto nos indicadores de saúde; e o fato de não estarem necessariamente relacionadas com ganhos mercadológicos, mas de estarem sempre relacionadas ao bem-estar populacional; e o fato de serem desencadeadas, geralmente, pelo surgimento de algum novo agravo ou risco que atinja a população ou por pressões sociais visando a melhorias nas condições de vida.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/18302
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado Acadêmico (ISC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISS POLIANA MAGALHÃES. 2015.pdf593.39 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA