DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas (FFCH) >
Programa de Pós-Graduação em História (PPGH) >
Dissertações de Mestrado (PPGH) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/17601

Title: Luís e Antônio Xavier de Jesus: mobilidade social de africanos na Bahia oitocentista
Authors: Falheiros, Elaine Santos
???metadata.dc.contributor.advisor???: Reis, João José
Keywords: Bahia;Africanos;Biografia;Escravidão;Tráfico de escravos;Família africana;Africans;Biography;Slavery;Slave-trade
Issue Date: 6-May-2015
Abstract: Esta dissertação discute a trajetória de vida do africano escravizado e liberto na Bahia, Luís Xavier de Jesus, que apesar de não ter comprovada a sua participação no levante dos malês, em 1835,foi expulso do Brasil em novembro daquele ano. Após sua partida para a África, Luís Xavier solicitou, insistentemente, o seu retorno à Bahia, a fim de liquidar seus negócios deixados aos cuidados de seu ex-escravo, o também africano, Antônio Xavier de Jesus. Este, além de ser receptador de cativos enviados ilegalmente por Luís Xavier da costa africana, foi nomeado seu herdeiro universal naquele mesmo ano de 1835, e, com a morte de seu exsenhor, após anos de conflitos e demandas judiciais, Antônio Xavier conseguiu herdar os bens a ele deixados. Também, será discutida a relação de Antônio com Felicidade Francisca Friandes, africana, sua companheira por pelo menos, vinte e seis anos, com quem teve mais de dez filhos. This thesis discusses the life trajectory of Luís Xavier de Jesus, an African enslaved and later freed in Bahia who was accused of participation in the 1835 Malê uprising and, despite his innocence, was expelled from Brazil in November of that year. After leaving, Luís Xavier petitioned several times for his return to the country, aiming at selling off his property, which he had left in under supervision by his African ex-slave by the name of Antônio Xavier de Jesus. Besides receiving captives illegally sent from Africa by Luís Xavier, Antônio was made his universal heir in that same year of 1835, and after Luis‟ death, he spent several years struggling in the courts to obtain control over his ex-master‟s legacy. Furthermore, I will also discuss the relationship between Antônio and Felicidade, his African companion for at least, twenty-six years, with whom he had more than ten Brazilian.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/17601
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGH)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTAÇÃO de Elaine Santos Falheiros.pdf6.89 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA