DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-Graduação em Processos Interativos dos Órgãos e Sistemas (PPGORGSISTEM) >
Dissertações de Mestrado (PPGORGSISTEM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15341

Title: Avaliação microbiológica de biofilme subgengival de puérperas e sua relação com o nascimento de bebês com baixo peso
Authors: Oliveira, Mariana Cedraz de
???metadata.dc.contributor.advisor???: Nascimento, Roberto José Meyer
Keywords: Periodontia;Crianças;Saúde;Recém-nascido
Issue Date: 29-Jul-2014
Abstract: O nascimento de crianças com baixo peso representa um grave problema de saúde pública, pois se configura num importante preditor de morbimortalidade infantil e a periodontite tem sido apontada como um provável fator de risco para esta ocorrência. O conhecimento dos mecanismos biológicos envolvidos no desfecho gestacional e na doença periodontal é fundamental para se determinar qual a plausibilidade da associação entre eles para possíveis intervenções na saúde pública. Objetivo: Estudar a associação entre a presença de bactérias periodontopatogênicas no biofilme subgengival de puérperas e o nascimento de bebês com peso inferior a 2500g. Metodologia: O estudo possui caráter observacional, transversal, aninhado a um estudo do tipo caso-controle, em que o grupo teste (A) foi constituído por mães de crianças nascidas com peso inferior a 2500g e o grupo controle (B), por mães de recém-nascidos do mesmo hospital, com peso igual ou superior a 2500g. As puérperas, cujos partos foram realizados no Hospital da Mulher, em Feira de Santana, Bahia, foram convidadas a responder, mediante anamnese dirigida, um questionário semiestruturado englobando dados sociodemográficos, aspectos da história gestacional, aspectos relacionados à saúde geral e bucal. Após a entrevista, foi realizado um exame periodontal completo e as amostras de biofilme foram coletadas em seis diferentes sítios da boca. As puérperas foram também divididas considerando a presença e ausência de periodontite (grupos CP e SP, respectivamente) para uma melhor compreensão sobre as suas condições de infecção bucal. A análise da presença dos periodontopatógenos Porphyromonas gingivalis, Aggregatibacter actinomycetemcomitans, Treponema denticola, Tannerella forsythia e Prevotella intermedia foi realizada por Reação em Cadeia da Polimerase (PCR). Efetuou-se a análise de distribuição da variável principal e de todas as covariáveis consideradas, sendo a análise do estudo constituída basicamente por uma comparação da frequência das bactérias entre o grupo-teste e grupo-controle. Para análise estatística, foi empregado o teste Qui-quadrado de Pearson; as odds ratio (OR) e os intervalos de confiança foram obtidos por meio do teste de Mantel-Haenszel. Resultados: Foram avaliadas 303 puérperas, das quais 79 (26,1%) pertenceram ao grupo-teste e 224 (73,9%), ao grupo-controle. Os grupos apresentaram homogeneidade na maioria dos aspectos avaliados. Foram observadas diferenças estatisticamente significantes para a idade das participantes, IMC (Índice de Massa Corporal) e histórico de gestações anteriores com nascimento de bebês com baixo peso. O grupo A teve maior frequência de periodontite (33,34%) do que o grupo B (16,22) e estes não apresentaram diferenças quanto aos aspectos relacionados à saúde bucal. Foi observada uma alta frequência de detecção positiva dos periodontopatógenos no biofilme subgengival em ambos os grupos. A presença de P. gingivalis e P. intermedia foi detectada com maior frequência entre as mulheres com periodontite (74,19% e 88,7%, respectivamente). Conclusão: Na amostra estudada, a presença dos periodontopatógenos em puérperas não levou à ocorrência de nascimentos de bebês com peso inferior a 2500g.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/15341
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGORGSISTEM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
OLIVEIRA, Mariana Cedraz de.pdf1.01 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA