DSpace

RI UFBA >
Instituto de Saúde Coletiva - ISC >
Dissertações de Mestrado Acadêmico (ISC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/13107

Title: Perfil Clínico - Epidemiológico dos pacientes internados por Acidente Vascular Cerebral, segundo área de abrangência da Estratégia Saúde da Família, no Município de Cáceres, Mato Grosso, Brasil
Authors: Alvares, Olga Soares da Silva
???metadata.dc.contributor.advisor???: Pereira, Rosana Aquino Guimarães
Keywords: Doenças crônicas não transmissíveis;Tempo de hospitalização;Estratégia de saúde da família;Avaliação de programas e políticas de saúde;Non-transmissible diseases;Hospitalization time;Family health system;Evaluation of health policies and programs
Issue Date: 2013
Publisher: Dissertação apresentada ao Programa de Pós-Graduação do Instituto de Saúde Coletiva, como requisito parcial para a obtenção do título de mestre em Saúde Coletiva.
Abstract: As Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) representam um grave problema de saúde pública, registrando um alto índice de óbito e efeitos financeiros negativos. Neste conjunto de patologias, destaca-se o Acidente Vascular Cerebral (AVC), como causa importante de morte e incapacidade na população adulta. Estudos comprovam o papel dos serviços de atenção primária em prevenir estes eventos e reduzir o número de internações por estas causas. Este estudo tem como objetivo descrever o perfil clinico- epidemiológico e a evolução dos casos de hospitalização por AVC, no município de Cáceres comparando casos provenientes de áreas cobertas e não cobertas pelo PSF, no período de 2008 a 2010. Trata-se de um estudo descritivo e transversal. Os sujeitos desta pesquisa foram os pacientes internados por doenças cerebrovasculares, no Hospital Regional de Cáceres Dr. Antônio Fontes (HRCAF) e no Hospital São Luiz (HSL), residentes no Município de Cáceres, no período de 2008 a 2010, totalizando 312 pacientes. Os dados dos pacientes foram coletados dos prontuários médicos e processados em banco de dados do Excel. Foram comparadas as características dos pacientes segundo a procedência em áreas com e sem cobertura de PSF, realizando o cálculo de médias e proporções segundo as variáveis de estudo, apresentadas sob a forma de tabelas e gráficos. Dos 312 casos de internação por AVC estudados, houve frequência maior entre os homens 53,5%, o predomínio de AVC isquêmico 80,1%, maioria entre 60 a 80 anos 52,3%, com evolução para sequelas graves 47,5% seguido de óbito em 26% dos casos, e, a HAS como comorbidade predominante em 86,8% dos casos, sendo que o maior número de casos ocorreu em áreas descobertas pelas equipes de PSF apontando uma taxa de internação em 22,9%. Os resultados do estudo demonstram que os números nos apontam que a atenção primária de saúde, no âmbito da Estratégia de Saúde da Família (ESF) em Cáceres – MT apresentou interferência na redução das causas de internação por AVC.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/13107
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado Acadêmico (ISC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Diss MP. Olga Soares 2013.pdf1.89 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA