DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências da Saúde - ICS >
Programa de Pós-Graduação em Imunologia - (PPGIM) >
Teses de Doutorado (PPGIM) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/12179

Title: Estudos de cinética da resposta imunológica na toxoplasmose aguda em ovinos e aspectos epidemiológicos
Authors: Santos, Patrícia Oliveira Meira
???metadata.dc.contributor.advisor???: Costa, Maria de Fátima Dias
Keywords: Toxoplasma gondii;;Glicoconjugados;;Resposta Imune;;Ovino.
Issue Date: 12-Jul-2013
Abstract: O protozoário Toxoplasma gondii tem os felídeos como seus hospedeiros definitivos e diversos outros animais como hospedeiros intermediários. Em ovinos e humanos, a toxoplasmose é responsável por abortamentos e doença neonatal quando a primoinfecção ocorre durante a gestação. Apesar da resposta imunológica desenvolvida pelos hospedeiros, o protozoário persiste no organismo parasitado, e a ingestão de carne ovina (crua ou mal cozida) contaminada constitui importante fonte de infecção humana. Recentemente, proteínas ligadas a glicosilfosfatidilinositol (GlyC) têm sido apontadas como importantes na ativação da resposta imune inata e constituem grande parte das proteínas de superfície de taquizoítos de T. gondii, além de serem reconhecidas por soros humanos na fase aguda da toxoplasmose. O presente estudo objetivou estudar a cinética da resposta imunológica humoral e celular na fase aguda da infecção pelo T. gondii em ovinos, e após imunização com GlyC, e desenvolver teste sorológico baseado em GlyC. O ELISA para detecção de IgG anti-lisado antigênico (LA) e anti-GlyC apresentou 100% e 30% de sensibilidade, e 96% e 94% de especificidade, respectivamente. Os ovinos infectados produziram IgM anti-LA e GlyC, e IgG anti-GlyC (p < 0.05); e os imunizados, IgM anti-LA e IgG anti-LA e GlyC (p < 0.05). A imunização com GlyC induziu aumento de células CD8+ e redução de células expressando MHC de classe II na circulação 60 dias após a injeção. O ELISA baseado em GlyC apresenta alta especificidade. GlyC é imunogênico para a espécie ovina e deve ser melhor avaliado como ferramenta diagnóstica e profilática na referida espécie.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/12179
Appears in Collections:Teses de Doutorado (PPGIM)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese_ICS_ Patricia Oliveira Santos.pdf1.34 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA