DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Arquitetura >
Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo (PPGAU) >
Dissertações de Mestrado (PPGAU) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/12004

Title: Identificação biológica e aplicação de biocidas na população microbiana que forma os biofilmes de alguns monumentos históricos da Bahia
Authors: Santos, Adriano Braga dos
???metadata.dc.contributor.advisor???: Oliveira, Mário Mendonça de
Keywords: Biodeterioração;Monumentos Históricos;Biofilme;Biocidas e Preservação
Issue Date: 19-Jun-2013
Abstract: Este trabalho visa a caracterização biológica e a aplicação de biocidas na população microbiana presente nos biofilmes encontrados em diferentes substratos em processo de biodeterioração nos monumentos históricos da Bahia, conventos franciscanos: de Salvador, de Santo Antônio de São Francisco do Conde e de Santo Antônio de Cairu, relacionando-os a fatores ambientais. As amostras foram submetidas a análises microbiológicas quantitativas e qualitativas, análises moleculares, além da determinação de temperatura, umidade relativa e luminosidade dos ambientes. Após 30 dias de aplicação dos biocidas, foi realizada nova avaliação microbiológica para verificar a ação dos biocidas. Os fungos presentes cultiváveis e isolados, por métodos tradicionais, no convento de Cairu, são caracterizados pelos gêneros: Aspergillus sp1, Aspergillus sp2, Paecilomyces sp1, Paecilomyces sp2, Penicillium sp1, Phialophora sp1 e Rhizopus sp. A microbiota fúngica cultivável, identificada por técnicas moleculares presentes no convento de Salvador, é das espécies: Aspergillus aculeatus e Cunninghamella blakesleeana. Os fungos identificados no convento do Conde pertencem às espécies: Aspergillus aculeatus e Trichoderma longibrachiatum. Esses micro-organismos presentes nos biofilmes, associados a fatores ambientais, podem influenciar os processos de biodeterioração. Os índices de temperatura, umidade e luminosidade favoreceram o crescimento de bactérias e fungos. A partir dos resultados obtidos, podemos sugerir a concentração de 0,5% do biocida de Cobre e Zinco, o melhor entre os aplicados in loco, pois apresenta toxicidade mediana ao ser humano, possui eficácia equivalente aos demais biocidas testados na redução dos micro-organismos avaliados, além de menor custo. Entretanto, por mais que se obtenha o efeito residual, a proliferação para ser controlada é necessária à manutenção preventiva dos edifícios históricos por parte das autoridades e dos usuários. Este trabalho possibilitou o conhecimento acerca da ocorrência de micro-organismos relacionados à biodeterioração dos edifícios, para auxiliar os restauradores na escolha de agentes de controle adequados à preservação do patrimônio histórico e do meio ambiente.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/12004
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGAU)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Identificação biológica e aplicação de biocidas na população microbiana que forma os biofilmes de alguns monumentos históricos da bahia.pdf1.14 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA