DSpace

RI UFBA >
Instituto de Biologia >
Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (Biologia) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/11978

Title: Notas sobre a herpetofauna da Ilha do Monte Cristo, Saubara, Bahia
Authors: Soeiro, Milena
???metadata.dc.contributor.advisor???: Silva, Rejane Maria Lira da
Keywords: Bahia;Herpetofauna;Squamata;Anfíbios
Issue Date: 18-Jun-2013
Abstract: A Baía de Todos os Santos (BTS) possui 55 formações insulares, em sua maioria, inseridas no Bioma Mata Atlântica. A Ilha do Monte Cristo (IMC) pertence ao município de Saubara, Bahia, Brasil, possui área de 1.832.677m2 e apresenta fitofisionomias de mata ombrófila em estágio secundário de regeneração, restingas, manguezais e apicuns. Assim como as demais ilhas da BTS apresenta poucos registros da sua fauna terrestre. Objetivamos contribuir com o conhecimento da fauna insular da BTS, apresentando uma lista comentada da herpetofauna da Ilha do Monte Cristo, com notas sobre a sua história natural. As atividades de campo constaram de duas campanhas durante 10 dias, utilizando armadilhas de interceptação e queda, busca ativa limitada por tempo, encontro ocasional e armadilhas de cola. Os resultados indicaram que a herpetofauna da IMC é composta de 13 espécies de anfíbios anuros, 11 de lagartos, 3 de serpentes e 2 de quelônios. Os cinco métodos de amostragem possibilitaram o registro de 90 indivíduos (47 anfíbios e 43 répteis). Dentre os anfíbios, a família Hylidae foi a mais representativa (com 72% das espécies coletadas, n=31). Entre os lagartos, a Família Phyllodactylidae foi a mais amostrada (57%, n=15) e entre as serpentes, a Família Viperidae (80%, n=11), com atenção para a dominância da espécie jararaca, Bothrops leucurus Wagler, 1824, em relação às outras espécies de serpentes. O método mais eficiente para o registro de espécies foi o de busca visual ativa limitada por tempo. Neste estudo, relatamos notas comportamentais dos animais e ampliamos a distribuição geográfica do quelônio Rhinoclemmys punctularia (Daudin, 1801). Os resultados refletiram parte da diversidade da herpetofauna da Mata Atlântica e demonstram a importância desta Ilha como um laboratório natural para o estudo e conservação deste grupo, que aborde aspectos da ecologia das espécies encontradas.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/11978
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso – TCC (Biologia)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Milena_Soeiro_Monografia_.pdf820.29 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA