DSpace

RI UFBA >
Instituto de Saúde Coletiva - ISC >
Teses de Doutorado (ISC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10396

Title: Anemia em pré-escolares, escolares e adolescentes: relação com consumo alimentar e infecções por helmintos intestinais.
Authors: Brito, Luciara Leite
???metadata.dc.contributor.advisor???: Barreto, Mauricio Lima
Keywords: Epidemiologia;Micronutrientes;Pré-escolares;Anemia;Consumo alimentar;Dietary intake;Preschool;Micronutrients
Issue Date: 2006
Publisher: Programa de pós-graduação em saúde coletiva
Abstract: Estudos realizados nos países em desenvolvimento demonstram que é freqüente a coexistência de ingestão inadequada de vários nutrientes entre pré-escolares. O objetivo deste estudo é investigar a associação entre anemia e o consumo alimentar inadequado de ferro biodisponível isolado ou combinado à inadequação no consumo alimentar de cobre e/ou vitamina A. Trata-se de um estudo transversal, realizado em dez municípios do Estado da Bahia, Brasil, desenvolvido com 1.551 pré-escolares. Foram obtidos dados sobre idade, sexo, condições sócio-ambientais (utilizou-se questionário estruturado), níveis de hemoglobina (utilizou-se o hemoglobinômetro portátil) e consumo alimentar (inquérito recordatório de 24 horas). A associação entre consumo alimentar e a anemia foi verificada inicialmente por análise bivariada e posteriormente utilizando-se o modelo de regressão log-binomial. Verificou-se que o consumo inadequado de ferro biodisponível esteve significativamente associado à anemia quando ocorreu simultaneamente à inadequação de outros micronutrientes: cobre e vitamina A RP 2.0 (95% CI 1.3 ? 3.0); cobre ou vitamina A RP 1.6 (95% CI 1.1 ? 2.2), mas não quando a inadequação ocorreu apenas para ferro biodisponível RP 1.1 (95% CI 0.6 ? 2.1), quando comparados ao consumo adequado de ferro biodisponível. Observou-se proporção de consumo significativamente maior de: vegetais e frutas para os não anêmicos; leite e cereais para os anêmicos. Entre as refeições principais, mostrou-se que no jantar a ingestão de ferro biodisponível e cobre foi significativamente maior no grupo de não anêmicos, mesmo após ajuste por idade e sexo. É possível supor que entre os pré-escolares com consumo inadequado de ferro biodisponível existe diferenciais de risco importante à medida que se agregam deficiências no consumo alimentar de micronutrientes, como cobre e vitamina A.
Description: p. 1-91
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/10396
Appears in Collections:Teses de Doutorado (ISC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
CAP03_SUM_RIO.pdf55.87 kBAdobe PDFView/Open
cap04_Lista_de_Tabelas.pdf73.27 kBAdobe PDFView/Open
TeseCap01.pdf129.65 kBAdobe PDFView/Open
TeseCap02.pdf65.65 kBAdobe PDFView/Open
TeseCompleta.pdf476.24 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA