Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/8965
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBastos, Antônio Virgílio Bittencourt-
dc.contributor.authorSantos, Cristiane Andrade-
dc.creatorSantos, Cristiane Andrade-
dc.date.accessioned2013-03-14T19:38:37Z-
dc.date.available2013-03-14T19:38:37Z-
dc.date.issued2006-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/8965-
dc.descriptionp. 1-147pt_BR
dc.description.abstractEsta dissertação tem por objetivo verificar as relações existentes entre o significado do trabalho e a conduta ético-profissional do policial militar baiano. Trata-se de um estudo descritivo, cujo modelo de análise contempla o caráter multifacetado do trabalho, abrangendo as dimensões ou facetas: centralidade, produtos ou resultados valorados do trabalho, normas societais e atributos valorativos e descritivos. O estudo empírico envolveu uma pesquisa de campo, abrangendo uma amostra de 113 policiais, subdividida em três grupos: policiais elogiados por suas condutas; detidos por condutas ilícitas e policiais com condutas desviantes, porém em exercício profissional. Os dados foram coletados através do instrumento do MOW, adaptado por Soares (1992) e analisados com o auxílio do programa SPSS. Verificou-se que o trabalho tem elevado índice de centralidade para os policiais, exercendo uma função instrumental como meio de obtenção de recursos financeiros, além de significar um modo útil de servir à sociedade e de auto-realização. Embora não tenham sido encontradas diferenças estatisticamente significantes entre os três grupos pesquisados em relação a todas as dimensões do trabalho, observou-se que os policiais elogiados atribuem uma importância maior ao trabalho do que os outros dois grupos, que a família, seguida do trabalho, constituem-se nas dimensões mais importantes para os policiais elogiados e os praticantes de condutas delitivas, enquanto que a família e a religião são as esferas mais valorizadas pelos policiais detidos, ocupando o trabalho a terceira posição. Verificou-se também uma dissonância entre os atributos valorativos e descritivos do trabalho. Os resultados sugerem a necessidade de que estudos de maior abrangência possam ser conduzidos, com vistas a ampliar a compreensão da relação entre significado do trabalho e conduta ético-profissional.pt_BR
dc.language.isoptpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal da Bahiapt_BR
dc.sourcehttp://www.adm.ufba.br/sites/default/files/publicacao/arquivo/dissertacao_revisada_cristiasne.pdfpt_BR
dc.subjectSignificado do trabalhopt_BR
dc.subjectConduta ético-profissionalpt_BR
dc.subjectDesvio de Condutapt_BR
dc.subjectPoliciais militarespt_BR
dc.subjectmeaning of workpt_BR
dc.subjectethical professional behaviorpt_BR
dc.subjectbehavior deviationpt_BR
dc.subjectmilitary policemenpt_BR
dc.titleSignificado do trabalho e conduta ético-profissional: um estudo de caso na polícia militar baianapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.localpubSalvadorpt_BR
Appears in Collections:Dissertação de Mestrado Profissional (NPGA)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
7777qqq.pdf1,22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.