Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/8742
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSoares, Sérgio Eduardo-
dc.contributor.authorLeite, Paula Bacelar-
dc.creatorLeite, Paula Bacelar-
dc.date.accessioned2013-03-01T17:56:23Z-
dc.date.available2013-03-01T17:56:23Z-
dc.date.issued2013-03-01-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/8742-
dc.description170 f.pt_BR
dc.description.abstractA partir de 1989, com o primeiro relato, na região cacaueira baiana do fungo Moniliophthora perniciosa, causador da doença vassoura-de-bruxa, iniciou-se nessa região um processo de empobrecimento provocado pela redução de até 100% da produção de cacau, em diversas propriedades rurais. A vassoura de bruxa representa uma das mais importantes doenças do cacaueiro por sua grande capacidade destrutiva e pela grande velocidade com a qual se espalha. A planta do cacau é uma espécie nativa da floresta tropical úmida americana, provavelmente originária das bacias do Amazonas e Orinoco. É uma árvore que desenvolve em clima quente e úmido numa faixa geográfica compreendida entre os paralelos 20ºN e 20ºS. Entre os esforços encontrados no controle da vassoura de bruxa destacam-se as pesquisas sobre novas variedades de cacau resistentes, produtivas e que originem matérias primas de qualidade industrial. O chocolate é o produto obtido a partir da mistura de derivados de cacau (Theobroma cacao L.), massa (ou pasta ou liquor) de cacau, cacau em pó e ou manteiga de cacau, com outros ingredientes, contendo, no mínimo, 25 % (g/100 g) de sólidos totais de cacau. A qualidade do chocolate é avaliada por meio de suas características químicas, físicas, físico-químicas e sensoriais. Com o objetivo de colaborar com o Programa Brasileiro de Melhoramento Genético foram caracterizadas amostras de cacau monitoradas durante o processo de fermentação e secagem das variedades resistentes à vassoura de bruxa denominadas SR162 e PH16 e uma amostra susceptível a doença denominado de cacau convencional. Foram processadas e caracterizadas as massa de cacau, manteiga de cacau e os chocolates quanto à composição físico-química e química, assim como a avaliação física através do estudo da estrutura dos chocolates e a avaliação sensorial através do teste de aceitação e análise descritiva quantitativa (ADQ®). Os resultados das análises físico-químicas realizadas mostraram que independente da resistência ou não à vassoura de bruxa as variedades estudadas apresentam características próprias. Entre as amostras dos materiais em estudo, não foram identificadas diferenças significativas nas análises de pontos de fusão e na composição de ácidos graxos. As análises colorimétricas mostraram que cada chocolate produzido possui uma cor específica, o que foi confirmado pelos provadores treinados na avaliação sensorial. No estudo das estruturas dos chocolates o menor conteúdo de gordura e o maior tamanho de partículas, encontrados na amostra da variedade PH16, levaram a um maior valor de tensão inicial e maior área de histerese. Para a viscosidade a variação da gordura e o tamanho das partículas não são interferentes. Na Análise Descritiva Quantitativa® realizada, as amostras de chocolates apresentaram diferenças significativas entre si (p<0,05), com referência aos termos descritores. No teste de aceitação os consumidores avaliaram os chocolates com notas que variaram de gostei muito a gostei moderadamente. Através das analises realizadas, verificou-se que as amostras de cacau resistentes à vassoura de bruxa, SR162 e PH16, e o cacau convencional apresentaram características particulares.pt_BR
dc.description.sponsorshipFAPESBpt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectVassoura-de-bruxa (Fitopatologia)pt_BR
dc.subjectCacaupt_BR
dc.subjectChocolatept_BR
dc.subjectQualidadept_BR
dc.titleCaracterização de chocolates provenientes de cultivares de cacau Theobroma cacao L resistentes a vassoura de bruxapt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.description.localpubUniversidade Federal da Bahia.Faculdade de Farmácia. Salvador-Ba, 2012.pt_BR
Appears in Collections:Dissertação (PGALI)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Paula Bacelar Leite.pdf1,79 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.