Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/5898
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorAnjos, Luzia Poliana-
dc.contributor.authorQueirós, Fernanda Costa de-
dc.contributor.authorPereira, Maria Cecília-
dc.contributor.authorBrandão, Marcela-
dc.contributor.authorMelo, Ailton de Souza-
dc.contributor.authorLucena, Rita de Cássia Saldanha de-
dc.creatorAnjos, Luzia Poliana-
dc.creatorQueirós, Fernanda Costa de-
dc.creatorPereira, Maria Cecília-
dc.creatorBrandão, Marcela-
dc.creatorMelo, Ailton de Souza-
dc.creatorLucena, Rita de Cássia Saldanha de-
dc.date.accessioned2012-05-17T13:16:40Z-
dc.date.available2012-05-17T13:16:40Z-
dc.date.issued2004-09-
dc.identifier.issn0004-282X-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/5898-
dc.descriptionp.635-640pt_BR
dc.description.abstractIntrodução: Déficit auditivo tem sido considerado uma das principais manifestações tardias das meningites, sobretudo quando esta ocorre nos dois primeiros anos de vida. No país, poucos são os estudos relatando a evolução de crianças acometidas por meningite e a percentagem e gravidade dos transtornos auditivos e seqüelas neurológicas após a alta hospitalar. Objetivo: Caracterizar as principais seqüelas auditivas e neurológicas, delineando o perfil do comprometimento auditivo encontrado cinco anos após a infecção do sistema nervoso central. Método: Foram incluídas crianças com idade entre 5 e 7 anos, admitidas no Hospital Couto Maia no ano de 1997, e que tiveram diagnóstico de meningite com idade inferior a dois anos. Resultados: 19 crianças passaram pela avaliação neurológica e auditiva. A idade média foi 6 anos e 68,42% eram do sexo masculino. Quanto à etiologia, 52,63% piogênica, 42,1%viral, 5,26% tuberculosa. Alterações auditivas ocorreram em 26,31% da população. Conclusão: Distúrbios auditivos trazem implicações acadêmicas e sociais às crianças afetadas, especialmente aquelas em idade escolar. Destacamos a necessidade de monitoramento audiológico de todas as crianças com história prévia de meningite.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherAssociação Arquivos de Neuro-Psiquiatria Dr. Oswaldo Langept_BR
dc.sourcehttp://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2004000400013pt_BR
dc.subjectMeningitept_BR
dc.subjectCriançaspt_BR
dc.subjectPrognósticopt_BR
dc.subjectDéficit auditivopt_BR
dc.subjectSeqüela neurológicapt_BR
dc.subjectComunicaçãopt_BR
dc.titlePrognóstico audiológico tardio relacionado à meningite em lactentespt_BR
dc.title.alternativeArq Neuropsiquiatrpt_BR
dc.typeArtigo de Periódicopt_BR
dc.description.localpubSão Paulopt_BR
dc.identifier.numberv. 62, n. 3-Apt_BR
Appears in Collections:Artigo Publicado em Periódico (Faculdade de Medicina)

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.