Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/33868
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSTEFFENS, ANA PAULA-
dc.contributor.authorSANTOS, LETÍCIA SIMÕES-
dc.creatorSANTOS, LETÍCIA SIMÕES-
dc.date.accessioned2021-08-06T14:53:52Z-
dc.date.available2021-08-06T14:53:52Z-
dc.date.issued2021-08-06-
dc.date.submitted2021-03-05-
dc.identifier.otherTCC-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/33868-
dc.description.abstractO novo coronavírus da síndrome respiratória (SARS-COV-2), denominado COVID 19, provocou surtos inicialmente em território chinês causando posteriormente infecção a nível global. O que desencadeou crescente número de infectados e óbitos, tendo o Brasil em destaque epidemiológico na pandemia. Como a transmissão se dá de forma rápida,¬ através de contato pessoa a pessoa e contato com superfícies infectadas, medidas não farmacológicas como etiqueta respiratória e hábitos de higiene foram recomendados pela Organização Mundial da Saúde. Associou-se o uso de máscaras de tecido devido escassez de Equipamentos de Proteção Individual. Tais orientações foram incluídas em nota técnica da ANVISA para a atuação em instituições de saúde, ao observar alta taxa de profissionais de saúde infectados. Diante da importância de tecnologias leves e educação em saúde na mitigação da pandemia, surgiu questionamento de como os usuários do serviço percebiam tais informações no período de internamento, objetivou-se conhecer tais concepções considerando histórico sociocultural dos participantes e enaltecer as premissas do SUS e de suas políticas de humanização e segurança do paciente considerando contexto histórico e social. Trata-se de pesquisa descritiva, exploratória, de metodologia qualitativa. Realizada em um hospital do sudoeste baiano com 33 usuários do serviço (pacientes e acompanhantes), escolhidos de maneira aleatória, por conveniência. A coleta se deu através de entrevista beira leito baseada em roteiro semiestruturado e encerrou-se com a saturação das respostas. A análise de dados foi realizada por análise temática, tendo a categorização dos discursos como uma das etapas desse processo. Os usuários apontaram a inexistência de orientações do serviço, relacionadas à prevenção do COVID 19, de maneira padronizada. Demonstraram possuir conhecimento prévio das medidas preventivas, baseado em mídias, porém possuíam dificuldades para a realização das mesmas, incluindo discursos sobre a influência de aspectos sociocult¬urais, nesse sentido. Além disso, elencaram fragilidades estruturais e em aspectos de higienização. Tais respostas refletem sobre problemas antigos a níveis macro e micro políticos como obstáculos na prevenção da infecção em serviços de saúde, os quais são causados por sucateamento do Sistema Único de Saúde pelo judiciário, melhor evidenciado em momento de pandemia, o qual é permitido pela passividade dos cidadãos que são desestimulados em teor educacional e profissional. Percebe-se a necessidade de empoderamento do usuário de serviço, além de corresponsabilidade e cogestão entre os atores do sistema de saúde, principalmente nesse momento, onde as desigualdades e o negacionismo do governo se destacaram. A fim de corroborar com prática assistencial de qualidade, centrada na vida.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectInfecções por coronavírus.pt_BR
dc.subjectSegurança do pacientept_BR
dc.subjectHumanização da assistênciapt_BR
dc.titleImpressões de usuários de saúde quanto às orientações preventivas institucionais direcionadas ao Covid 19pt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.contributor.refereesMORAIS, MARCIGLEI-
dc.contributor.refereesVASCONCELOS, JANAÍNA-
dc.publisher.departamentUNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIApt_BR
dc.publisher.departamentINSTITUTO MULTIDISCIPLINAR EM SAÚDEpt_BR
dc.publisher.programPROGRAMA DE RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL EM URGÊNCIASpt_BR
dc.publisher.initialsUFBApt_BR
dc.publisher.countrybrasilpt_BR
dc.subject.cnpqENFERMAGEMpt_BR
Appears in Collections:Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização) - Urgência (PRMU - IMS)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC VERSÃO FINAL.docx84,47 kBMicrosoft Word XMLView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.