Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufba.br/handle/ri/24908
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCoelho, Edméia de Almeida Cardoso-
dc.contributor.authorCarvalho, Maria de Fátima Alves Aguiar-
dc.creatorCarvalho, Maria de Fátima Alves Aguiar-
dc.date.accessioned2017-12-21T20:28:25Z-
dc.date.available2017-12-21T20:28:25Z-
dc.date.issued2017-12-21-
dc.date.submitted2016-10-27-
dc.identifier.urihttp://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24908-
dc.description.abstractA Política de Atenção Integral a Usuários de Álcool e Drogas pressupõe que pessoas apresentam diferentes grau de envolvimento com a droga, havendo diversos padrões de uso, que devem ser respeitados e valorizados no planejamento das ações na perspectiva da integralidade. A integralidade se traduz em atitudes de acolhimento, com escuta sensível e confiança, capaz de produzir relações de respeito entre usuários/as e profissionais, com formação de vínculo e acesso aos serviços nos diversos níveis de atenção. Esta pesquisa teve como objetivo geral conhecer o cuidado vivenciado por usuários/as e profissionais em um CAPSad sob o enfoque da integralidade e, específicos: discutir experiências de cuidado a partir de quem o vivencia, sob o enfoque da integralidade e analisar as experiências de cuidado sob os fundamentos da integralidade como potencializadora de subjetividades. Caracteriza-se como pesquisa qualitativa desenvolvida em um CAPSad da região do Submédio São Francisco, Pernambuco, na qual participaram 14 usuários/as e nove profissionais, que atenderam aos critérios de inclusão. O material empírico foi produzido no ano de 2015 por meio de quatro oficinas de reflexão, duas com cada grupo específico de participantes e observação como técnica complementar, com registro em diário de campo. O corpus foi analisado pela técnica de análise do discurso, tendo Integralidade como categoria analítica. As normas da Resolução 466/12 foram atendidas em todas as etapas da pesquisa. Os resultados evidenciam que no CAPSad relações de confiança são sustentadas por vínculos consistentes que caracterizam processos terapêuticos como resolutivos, capazes de devolver a pessoas a valorização de si, por meio da reconstrução da autoestima e elaboração de estratégias de resistência para lidar com as drogas em circunstâncias que as tornam vulneráveis. A integralidade está incorporada ao cuidado na atenção psicossocial no CAPSad, foco da pesquisa, todavia, é dificultada por não ser garantido suporte à continuidade de relações terapêuticas em outros pontos da Rede de Atenção Psicossocial, retardando pleno êxito. As práticas de cuidado no CAPSad caminham com ações acolhedoras que qualificam a relação em um contexto favorável a reconstrução da autonomia e da cidadania de pessoas, com responsabilização por toda a equipe.pt_BR
dc.description.sponsorshipFAPESBpt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectIntegralidade em saúdept_BR
dc.subjectAcolhimentopt_BR
dc.subjectCuidado periódicopt_BR
dc.subjectUsuários de drogaspt_BR
dc.subjectProfissional de saúdept_BR
dc.titleIntegralidade do Cuidado na Atenção Psicossocialpt_BR
dc.typeTesept_BR
dc.contributor.advisor-coOliveira, Jeane Freitas de-
dc.contributor.refereesCoelho, Edméia de Almeida Cardoso-
dc.contributor.refereesSilva, Ana Tereza Medeiros Cavalcanti da-
dc.contributor.refereesCabral, Bárbara Eleonora Bezerra-
dc.contributor.refereesPaiva, Mirian Santos-
dc.contributor.refereesFreitas, Adriana Valéria da Silva-
dc.publisher.departamentEscola de Enfermagempt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós Graduação em Enfermagempt_BR
dc.publisher.initialsUFBApt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.subject.cnpqCiências da Saúdept_BR
Appears in Collections:Tese (PPGENF)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tese_Enf_Maria de Fátima Alves Aguiar Carvalho.pdf4,27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.