DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) >
Dissertações de Mestrado (PPGE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/9269

Title: Inclusão, educação infantil e formação de professores: sujeitos, diálogos e reflexões na ambiência do Proinfantil
Authors: Loiola, Mônica
???metadata.dc.contributor.advisor???: Bordas, Miguel Angel García
Keywords: Inclusão escolar;Educação infantil;Formação de professores;Proinfantil
Issue Date: 2012
Abstract: Este estudo tem a finalidade de apresentar, analisar e discutir o tema da inclusão no contexto da Educação Infantil, a partir de um diálogo estabelecido com o Programa de Formação Inicial para Professores em Exercício na Educação Infantil – Proinfantil. Curso em nível médio e na modalidade normal, criado pelo Ministério da Educação, e desenvolvido em parceria com Universidades Federais, Estados e Municípios, destinado a formar professores que atuam na Educação Infantil e não possuem a titulação mínima exigida pela Lei. Nossa proposta tem como objetivo geral analisar a estrutura formativa do Proinfantil, na perspectiva da Educação Inclusiva, para assim, contribuir com a produção de conhecimentos que possam favorecer a reestruturação prevista para o programa, e/ou nortear ações e práticas educativas de professores de Educação Infantil, especialmente. Como fundamento teórico, dialogamos com Geertz (1989); Stuart Hall (1997 e 2006); Bauman (2005); Santos (2006); Jimenez (2008); Lüdke e André (2008); Silva e outros autores (2009); Woodward (2009); Siems (2010); Mendes (2010); Cunha (2011), entre outros, que auxiliaram na apresentação, discussão e análise da temática alvo do nosso estudo. Na busca para delinear o panorama da pesquisa, a Agência Formadora do Município de Vitória da Conquista foi escolhida como campo empírico, e as principais interlocutoras foram as professoras cursistas que fizeram o Proinfantil neste Município. Para tanto, utilizamos a pesquisa qualitativa com abordagem etnográfica, que teve como instrumentos de coletas de dados: entrevistas semi-estruturadas; observações participante e não participante e análise de conteúdo dos livros das áreas temáticas pedagógicas do módulo 2, unidade 8, com a intenção de identificar o que as professoras cursistas do Proinfantil pensam e sabem sobre inclusão, e quais suas compreensões sobre a qualidade formativa do programa. A pesquisa apontou para a influência direta do currículo do curso sobre a formação das professoras cursistas, na construção de concepções acerca da inclusão, ao tempo que indica a necessidade de rever os conteúdos abordados na perspectiva da educação inclusiva.
Description: 205 f.: il.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/9269
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Mônica Loiola.pdf2 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA