DSpace

RI UFBA >
Instituto de Letras >
Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura (PPGLINC) >
Dissertações de Mestrado (PPGLINC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/8507

Title: O português Kiriri: Aspectos fônicos e lexicais na fala de uma comunidade do sertão Baiano
Authors: Souza, Hirão Fernandes Cunha e
???metadata.dc.contributor.advisor???: Machado Filho, Américo Venâncio Lopes
Keywords: Língua portuguesa. Gramática. Lexicografia. Indios Kiriri.
Issue Date: 19-Feb-2013
Abstract: A presente dissertação teve como propósito realizar um estudo sobre o português falado pelos índios kiriri(s) de Mirandela, localizados na região de Ribeira do Pombal, no município de Banzaê, no sertão baiano. Os kiriri(s) não detêm mais a sua língua nativa, o kipeá, da família linguística kariri, são falantes apenas de uma variedade do português brasileiro, fato de fundamental importância para os estudos em linguística histórica, já que pode desvendar características linguísticas necessárias para a compreensão da constituição histórica do português em sua longa jornada no solo nacional. Nessa perspectiva, o foco de análise para a redação da presente dissertação teve como principais metas observar características, tanto fônicas, quanto lexicais, presentes na fala dessa comunidade. Foi realizado o levantamento de dados bastante amplo, no sentido de permitir, dentro do possível, melhor precisão na análise dos fenômenos linguísticos identificados. Levantaram-se, assim, os principais aspectos fônicos patentes no material coletado, os conhecidos metaplasmos, partindo-se do pressuposto de que muitos dos fenômenos linguísticos verificados na oralidade desses índios, situados na região de Ribeira do Pombal, também ocorrem em diversas outras regiões do Brasil. Além disso, mesmo considerando o longo período de contato do povo kiriri com o português, postulou-se que o conhecimento desse português falado em Mirandela pode provavelmente revelar a existência de fósseis linguísticos geracionalmente transmitidos no decorrer da história dos kiriri(s), principalmente, resquícios de léxico ameríndios pertencentes ao tronco macro-jê que permanecem no português falado por essa comunidade. Realizou-se, assim, um levantamento exaustivo dos itens lexicais identificados em diversas áreas semânticas, extraídas de narrativas orais, como valorização de seus costumes e tentativa de registro cultural. Com base no material coletado e considerando a riqueza lexical patente em suas narrativas, elaborou-se um glossário consoante aos campos conceituais relevantes culturalmente para a comunidade em estudo.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/8507
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGLINC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Hirão Fernandes Cunha e Souza.pdf5.12 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA