DSpace

RI UFBA >
Instituto de Letras >
Pós-Graduação em Literatura e Cultura (PPGLITCULT) >
Dissertações de Mestrado (PPGLITCULT) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/8493

Title: Ao longo dos contos de uma cidade da Bahia em Carlos Ribeiro e João Filho
Authors: Mota, Lilian Daianne Bezerra
???metadata.dc.contributor.advisor???: Ornellas, Sandro Santos
Keywords: Crônicas brasileiras. Cidades baianas. Memórias.
Issue Date: 18-Feb-2013
Abstract: A cidade da Bahia, como era chamada a capital baiana, e ainda hoje contempla essa nomenclatura em vários livros de História e Literatura, é uma construção histórica observada por diversos olhares, cada um sob uma perspectiva diversificada. Sua intensa e árdua construção histórica, cultural e política causou efeitos vários sobre a estrutura física e social, enquanto sua população se desdobrava na peculiar e, ao mesmo tempo, plural organização sociocultural. Não é difícil imaginar as experiências e peripécias enfrentadas pela cidade no decorrer de quase meio milênio de existência, que, sobretudo, se vale de triunfos e imaginários desde a fundação urbana e a formação da gente baiana. Para compreender o que está sendo dito, há que se pensar nas releituras a respeito dessa terra, enfocando, principalmente, imagens reescritas da história e da existência humana fincada em séculos de representações do imaginário e os reais fenômenos que edificavam seus alicerces. Para tanto, norteamos essas linhas com curtas e significativas narrativas contemporâneas que buscam reviver a trajetória do passado, as configurações do presente e as pretensões futuras da cidade do Salvador, trazendo em foco os autores baianos: Carlos Ribeiro, com o livro Contos de Sexta-feira e duas ou três crônicas (2010) e João Filho com Ao longo da linha amarela (2009). Partindo desse princípio, o presente trabalho tem o propósito de discutir as imagens da cidade da Bahia na historiografia, através das memórias encontradas pelo primeiro autor e a urbe-movimento da contemporaneidade enfocada pelo segundo. A partir desses basilares recursos de estudo, percorremos as semelhanças e diferenças no ponto de vista de cada autor sobre o espaço-tempo que contemplam, com o intuito de demonstrar as imagens multifacetadas das cenas urbanas de Salvador, desenrolando, portanto, a postura analítica de cada escritor. Com o objetivo de mostrar como Salvador adentrou o contexto histórico dos séculos XX e XXI, pretendemos examinar o baú de transformações do espaço urbano, assim como as experiências humanas que envolvam a realidade soteropolitana. Na tentativa de construir outros saberes que a decifre, fazemos uma apreciação sobre os contos de ambos os livros, tentando atrelar o imaginário literário ao cenário social, sujeita a outras interpretações e releituras que construam/desconstruam os mistérios do labirinto urbano. Nesse ínterim, a multidão se formará e dará movimento ao coração da cidade, na qual Carlos Ribeiro e João Filho reconstituirão personagens e cenários que alavanquem a realidade da Soterópolis.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/8493
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGLITCULT)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Lilian Daianne Bezerra Mota.pdf892.99 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA