DSpace

RI UFBA >
Instituto de Ciências Ambientais e Desenvolvimento Sustentável - ICADS >
Artigos Publicados em Periódicos (ICADS) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/3336

Title: Análise de crescimento de diferentes genótipos de citros cultivados sob déficit hídrico
Other Titles: Revista Brasileira de Fruticultura
Authors: Peixoto, Clovis Pereira
Cerqueira, Elaine Costa
Soares Filho, Walter dos Santos
Castro Neto, Manoel Teixeira de
Ledo, Carlos Alberto da Silva
Matos, Fábio Santos
Oliveira, Jutair Garcia de
Keywords: Tabuleiros Costeiros;híbridos;Citrus spp;Poncirus trifoliata;Coastal Table Lands;hybrids;Citrus spp.;Poncirus trifoliata
Issue Date: 2006
Publisher: Revista Brasileira de Fruticultura
Abstract: Visando à identificação de genótipos de citros melhor adaptados ao ecossistema de Tabuleiros Costeiros, com potencial de uso como porta-enxertos, avaliou-se seu desempenho em relação à tolerância à seca, considerando a análise de crescimento das plantas. O trabalho foi conduzido em casa de vegetação da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical, em Cruz das Almas - BA. Foram avaliados seis genótipos: limoeiros 'Cravo' e 'Volkameriano', laranjeira 'Azeda' e os híbridos trifoliados HTR - 051, TSK õ CTTR - 002 e TSK õ CTTR - 017, estes últimos obtidos pelo Programa de Melhoramento Genético de Citros da Embrapa Mandioca e Fruticultura Tropical. Plantas obtidas de sementes (pés-francos ou seedlings) foram cultivadas em substrato Plantmaxâ, irrigando-as até que apresentassem dois ou mais pares de folhas verdadeiras, quando foram transplantadas para recipientes com o mesmo substrato devidamente adubado, mantendo-se o suplemento hídrico até o início das avaliações. O delineamento experimental foi o inteiramente casualizado, em esquema fatorial 6 õ 7, sendo seis genótipos e sete tempos de avaliação. As avaliações foram realizadas sob irrigação, déficit hídrico e re-irrigação, considerando-se o acúmulo de matéria seca total (MS) e a área foliar da planta (AF) como base para a determinação dos seguintes índices fisiológicos: razão de área foliar (RAF), taxa assimilatória líquida (TAL) e taxa de crescimento relativo (TCR). Nas condições do experimento, o híbrido HTR - 051 apresentou menor sensibilidade ao déficit hídrico, o que o qualifica como porta-enxerto promissor para ambientes sujeitos a estiagem prolongada.
URI: http://www.repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/3336
ISSN: 0100-2945
Appears in Collections:Artigos Publicados em Periódicos (ICADS)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
2222222.pdf354.68 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA