DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Odontologia >
Programa de Pós-Graduação em Odontologia e Saúde >
Teses de Doutorado (POSDONTO) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31814

Title: Avaliação da técnica "socket shield" na preservação do rebordo ósseo alveolar após extração dentária: ensaio clínico controlado randomizado
Authors: Oliveira, Getúlio Batista de
???metadata.dc.contributor.advisor???: Cury, Patrícia Ramos
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Rebello, Iêda Margarida Crusoé
Keywords: Terapia de extração parcial;Preservação alveolar;Técnica socket shield
Issue Date: 10-Apr-2020
Abstract: A cicatrização do alvéolo de extração dentária é um processo fisiológico que causa grande perda óssea, podendo chegar a 50% nos primeiros 12 meses da extração. A preservação do volume ósseo é fundamental para os tratamentos com implantes dentários, principalmente na região estética. Diferentes protocolos cirúrgicos e tipos de materiais de enxertia têm sido utilizados para reduzir essa reabsorção. A técnica socket shield é uma abordagem cirúrgica de extração parcial do dente que consiste em deixar uma porção vestibular da raiz dentária com o ligamento periodontal correspondente no alvéolo, para evitar a reabsorção da tábua óssea vestibular. Inicialmente essa técnica foi usada para a colocação imediata de implante dentário e preenchimento do espaço da porção da raiz removida, com biomaterial. O objetivo deste estudo foi avaliar a técnica socket shield na preservação do rebordo alveolar após extração dentária, sem a colocação imediata de implante, comparando com a exodontia minimamente traumática. Um estudo clínico controlado randomizado foi realizado com 31 pacientes que necessitavam de apenas uma extração dentária na região anterior ou de pré-molares. Quinze extrações dentárias foram feitas pela técnica socket shield (grupo teste) e dezesseis extrações dentárias foram feitas pela técnica minimamente traumática (grupo controle). Todos os alvéolos foram fechados com enxerto gengival livre. Foram realizadas tomografias computadorizadas de feixe cônico (TCFC) imediatamente após as extrações dentárias e também aos 100 dias de pós-operatório (PO), tanto nos pacientes do grupo teste como nos pacientes do grupo controle. Foram feitas oito medidas lineares no plano sagital e nove medidas lineares no plano axial das tomografias iniciais e finais, para avaliar a preservação do rebordo alveolar. Os resultados mostraram que houve reabsorção do rebordo alveolar após a técnica socket shield, tanto em altura vestibular (-0,15±1,30mm) e palatina (-0,91 ± 2,24), quanto em largura (-0,76±2,75mm). A largura do rebordo alveolar apresentou menor reabsorção no grupo teste (p=0,04), embora a tábua óssea vestibular tenha sofrido maior reabsorção em espessura (p=0,05). Portanto, pode-se concluir que, dentro dos limites deste estudo, após a técnica socket shield, ocorre reabsorção da largura e da altura do rebordo alveolar, sendo que a reabsorção do rebordo alveolar em largura é menor e a reabsorção da tábua óssea vestibular em espessura é maior se comparada a exodontia minimamente traumática. Diante da dificuldade da técnica socket shield, a experiência e o treinamento prévio do cirurgião dentista devem ser consideradas para indicar esta técnica
The dental alveolus healing is a physiological process that causes great loss of bone volume, reaching up to 50% in the first 12 months of extraction. The bone volume preservation is fundamental for the treatment with dental implants, mainly in the esthetic region. Different surgical protocols and grafting materials have been used to prevent the reduction of the alveolus thickness after an exodontia. The socket shield technique is a partial tooth extraction surgical approach consisting of leaving a buccal portion of the dental root with the corresponding periodontal ligament in the alveolus to prevent reabsorption of the buccal bone plate. Initially this technique was used for the immediate placement of dental implant and filling the space of the root portion removed with biomaterial. The objective of this study was to evaluate the socket shield technique in the preservation of the alveolar ridge after tooth extraction without immediate implant placement, comparing with the minimally traumatic exodontia. A randomized controlled clinical study was conducted with 31 patients requiring only one dental extraction in the anterior or premolar region. Fifteen dental extractions were made by the socket shield technique (test group) and sixteen dental extractions were made by the minimally traumatic technique (control group). All alveoli were closed with a free gingival graft. Cone-beam CT scans (CBCT) were performed immediately after dental extractions and also at 100 postoperative days (PO), both in the patients in the test group and in the patients in the control group. Eight linear measurements were made in the sagittal plane and nine linear measurements in the axial plane of the patients' initial and final tomographies to evaluate the preservation of the alveolar ridge. The results showed that there was reabsorption of the alveolar ridge after the socket shield technique, both in vestibular height (-0.15 ± 1.30 mm) and palatal (-0.91 ± 2.24), as well as in width (-0.76 ± 2.75mm). The width of the alveolar ridge presented less resorption in the test group (p = 0.04), although the buccal bone plate presented greater resorption in thickness (p = 0.05). Therefore, it can be concluded that, within the limits of this study, after the socket shield technique, reabsorption of the width and height of the alveolar ridge occurs, with reabsorption of the alveolar ridge in width being smaller and reabsorption of the buccal bone plate in thickness is higher when compared to minimally traumatic exodontia. Due to the difficulty of the socket shield technique, the experience and previous training of the dental surgeon should be considered to indicate this technique.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31814
Appears in Collections:Teses de Doutorado (POSDONTO)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese Pós Defesa.pdf1.62 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA