DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Medicina da Bahia >
Programa de Pós-Graduação em Saúde, Ambiente e Trabalho (PPGSAT) >
Dissertações de Mestrado (PPGSAT) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31779

Title: Atenção primária à saúde: tecendo a rede de cuidado do usuário-trabalhador no território
Authors: Andrade, Andréa Garboggini Melo
???metadata.dc.contributor.advisor???: Lima, Mônica Angelim Gomes de
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Neves, Robson da Fonseca
Keywords: Integralidade;Vigilância à saúde do trabalhador.;Saúde do trabalhador;Atenção primária à saúde
Issue Date: 8-Apr-2020
Abstract: O reconhecimento do usuário-trabalhador na interação com os profissionais da Atenção Primária à Saúde é uma etapa fundamental para a implementação das ações de saúde do trabalhador na Rede de Atenção à Saúde do Sistema Único de Saúde. Este estudo se propôs compreender como se dá o processo de interação do usuário- trabalhador com os profissionais de saúde de uma Unidade de Saúde da Família, analisando as demandas de saúde relacionadas ao trabalho que emergem deste contato, quanto às barreiras para tal reconhecimento. Adotou-se a perspectiva etnográfica, com foco na etnografia de saúde, para produção dos dados, priorizando a observação participante e entrevistas situadas com usuários e profissionais de saúde. O trabalho de campo ocorreu no período de abril a outubro de 2018. O processo analítico e interpretativo tomou as cenas produzidas, guiadas pelas conversações, emergindo o (não)reconhecimento de demandas de saúde do trabalhador no contexto de trabalho daqueles profissionais de saúde como hipótese campo. Por outro lado, foram identificados disparadores que despertam interesse do profissional de saúde em saber se o usuário trabalha, o que faz, há quanto tempo, ou se tem tempo de contribuição para aposentadoria, demonstrando que há sim um reconhecimento do “usuário-trabalhador” pelo profissional de saúde no contexto da Atenção Primária à Saúde. Porém, o estudo revela que a maneira como tais informações são tratadas no contexto da unidade de saúde da família se mostram insuficientes para a produção do cuidado à saúde do trabalhador nos moldes do que é preconizado pela Política Nacional de Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora. A análise apontou que, para além da abordagem queixa-conduta do profissional de saúde, há uma diversidade de aspectos que se constituem como barreiras para a abordagem do “usuário-trabalhador” neste nível de atenção à saúde. Tais aspectos foram agrupados de modo a demonstrar diferentes camadas (política, territorial, trabalho real e individual), sobrepostas, que contribuem para ofuscar a visão do profissional, retardar ou interditar a sua ação (identificação, atendimento, coordenação do cuidado). O estudo contribui para “desembaraçar” os fios e articular os pontos da Rede de Atenção à Saúde para o cuidado integral à saúde do trabalhador no SUS, a partir da Atenção Primária à Saúde.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31779
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGSAT)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
DISSERTACAO_Andrea_Garboggini_Melo_Andrade_VERSAO FINAL PARA REPOSITORIO_2019.pdf2.29 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA