DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Medicina da Bahia >
Programa de Pós-Graduação em Saúde, Ambiente e Trabalho (PPGSAT) >
Dissertações de Mestrado (PPGSAT) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31384

Title: Absenteísmo por transtornos mentais em trabalhadores do setor judiciário
Authors: Melo, Bruna Ferreira
???metadata.dc.contributor.advisor???: Santos, Kionna Oliveira Bernardes
Keywords: Absenteísmo;Licença médica;Transtornos mentais;Servidor público;Estudos de coortes;Saúde do trabalhador
Issue Date: 3-Feb-2020
Abstract: A pesquisa visa descrever o perfil e analisar fatores de risco para o primeiro episódio de absenteísmo por transtornos mentais e comportamentais numa população de trabalhadores do setor judiciário da Bahia no período de 2011 a 2016. Material e Métodos: Para alcançar estes objetivos, foram selacionados todos os indivíduos ativos na data base do estudo e excluídos aqueles que obtinham algum afastamento por transtornos mentais (TM) na linha de base de uma coorte fixa e retrospectiva. Dois estudos foram realizados: um estudo descritivo-exploratório, que estimou os indicadores de frequência e duração das licenças de absenteísmo por TM e de frequência dos diagnósticos clínicos que caracterizaram o evento anualmente; e um estudo analítico da coorte retrospectiva que identificou fatores de risco para um episódio incidente de absenteísmo por TM. Dentre as variáveis de interesse obtidas estiveram características sociodemográficas: sexo (masculino e feminino), idade (até 30 anos, >30 anos), escolaridade (primeiro grau completo, segundo grau completo, universitário completo) e características ocupacionais: área (administrativa, judiciária), cargo (analista, magistrado, técnico), tempo de serviço (até 10 anos, >10 anos). Os afastamentos foram identificados pelos códigos do grupo F, segundo a Classificação Internacional de Doenças (CID-10). Os indicadores epidemiológicos calculados no primeiro produto foram prevalências, coeficientes de incidência cumulativa, razões de prevalência e razões de risco. No segundo produto, os fatores de risco para o desfecho foram obtidos com base no modelo de regressão de Cox, que modelou o tempo até o primeiro afastamento. Curvas de sobrevivência entre as variáveis independentes também foram estimadas utilizando-se o estimador limite-produto de Kaplan-Meier. A análise e as etapas de produção dos dados foram executadas com o auxílio dos programas Microsoft Excel 2013, software Statistical Package of Social Science (SPSS 21), software R Studio versão 1.1.423 e do programa OpenEpi. Resultados: Os resultados obtidos revelaram um total de 1023 eventos de absenteísmo por transtornos mentais durante todo o período e de 24.806 dias perdidos de trabalho devido ao afastamento. A magnitude e a ocorrência de casos incidentes de absenteísmo tende a redução ao longo dos anos, com incidência cumulativa variando no período de 33,8 para 9,4 casos por mil trabalhadores. As mulheres constituíram o grupo mais afetado, apresentando risco relativo de afastamento 4,0 vezes o risco dos homens em 2015. Os transtornos do humor, transtornos neuróticos e relacionados com o estresse foram os principais diagnósticos clínicos atribuídos aos eventos. Além disso, a estimativa de sobrevida da população geral foi de 0,90 (90%) e após os ajustes os fatores de risco para um episódio incidente de absenteísmo por TM foram: sexo feminino (HR 1,81; IC 95%: 1,40- 2,34), cargo magistrado (HR 1,80; IC 95%: 1,28-2,53) e idade acima de 30 anos (HR 1,84; IC 95%: 1,21-2,80). Conclusão: As informações produzidas possuem externalidade com outros serviços, suscitando desafios para os serviços de saúde das instituições, quanto a detecção precoce do risco de afastamento e monitorização da saúde mental dos trabalhadores e das condições de trabalho. Por fim, os fatores sociodemográficos e ocupacionais associados ao primeiro episódio de absenteísmo doença (AD) por TM agregam informações à literatura quanto aos preditores do evento e fomentam mudanças nas práticas de gestão dos serviços públicos.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/31384
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGSAT)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Dissertação final de Bruna Ferreira Melo.pdf709.27 kBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA