DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Educação >
Programa de Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências (PPGEFHC) >
Dissertações de Mestrado (PPGEFHC) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/30209

Title: O PIBID química em questão: a pedagogia histórico crítica na formação dos(as) licenciandos(as) em química da UFBA
Authors: Cruz, Tereza Cristiane Souza da
???metadata.dc.contributor.advisor???: Pinheiro, Bárbara Carine Soares
Keywords: Pedagogia Histórico Crítica;Formação de professores;Ensino de Química;PIBID
Issue Date: 5-Aug-2019
Abstract: A presente pesquisa se insere no campo da investigação na formação de professores para o Ensino de Ciências/Química, através do subprojeto do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência – PIBID/Química tendo como referencial teórico a Pedagogia Histórico Crítica (PHC) e seus fundamentos teóricos metodológicos. Partiu-se das inquietações da pesquisadora quanto às concepções e ações que embasam estes licenciandos em relação a uma formação crítica. Desta forma, tem por objetivo geral investigar a apropriação da PHC pelos licenciandos (as) bolsistas do programa PIBID/Química da Universidade Federal da Bahia (UFBA) através das ações realizadas nas escolas. Para dar conta deste objetivo, realizamos revisão bibliográfica onde apresentamos um panorama da constituição histórica da formação de professores e a interface com as Políticas Públicas voltadas a esta formação, tomando como autores de referência: Bomeny (1994); Tanuri (2000); Xavier (2002); Nascimento (2004), Saviani (2004; 2005; 2009; 2011), Gatti (2009), Romanelli (2010), entre outros autores consagrados na área; procuramos trazer considerações sobre o PIBID como politica pública, que promove a articulação do tripé acadêmico: pesquisa, ensino e extensão na formação de professores; as bases teóricas da PHC tomando como referencial as obras de Saviani, Gasparin, Duarte entre outros e levantamos considerações sobre as mudanças na formação de professores de química da UFBA. A pesquisa baseou-se na abordagem qualitativa, na modalidade estudo de caso e para tratamento dos dados nos balizamos nos fundamentos teórico-metodológicos da análise de conteúdo. Foram utilizados como instrumentos entrevistas semiestruturadas e análise documental dos relatórios e planos de ações de seis sujeitos, bolsistas do subprojeto no PIBID/Química. As análises das entrevistas e dos documentos foram realizadas a partir de quatro categorias temáticas estabelecidas aprioristicamente, tendo por base nosso referencial teórico: identidade docente e formação acadêmica; formação docente crítica e PHC; o PIBID e identidade docente; compreensão dos fundamentos da PHC. Somam-se novas categorias de caráter não apriorísticos, que emergiram durante a análise dos dados: o papel do professor formador; a importância da práxis no PIBID; compreensão didático-metodológica da PHC; o papel do professor e da escola, relação entre ensino crítico e transformação social. Algumas das temáticas analisadas comportaram como sub-categoria: O PIBID como formação complementar. Quanto as principais conclusões que chegamos ao final da pesquisa é que o PIBID/Química se constitui um programa de relevância e com potencialidades a serem exploradas na formação de professores, tanto pela experiência que proporciona, como por apresentar novos aportes teórico-metodológicos, como a teoria crítica PHC; percebe-se também a ressignificação quanto à identidade do licenciando (anda) com a profissão escolhida. A junção teoria–prática com os aportes teóricos da PHC mostram que o PIBID consegue complementar a formação destes estudantes dentro de uma perspectiva crítica, voltada para novas concepções de mundo. Para os pibidianos a compreensão desta teoria foi eficiente para prepara-los como docentes mais críticos, pois consideram que o uso da PHC nas suas ações no PIBID possibilita o ensino de química com criticidade, uma vez que promove novas mediações do conhecimento científico com o contexto social, pensando na transformação social.
The present research is inserted in the field of research in the training of teachers for the Teaching of Sciences / Chemistry, through the subproject of the Institutional Program of Initiation to Teaching -PIBID / Química, with theoretical reference to Critical Historical Pedagogy (PHC) and its methodological fundamentals. It was based on the researcher's concerns about the conceptions and actions that support these graduates in relation to a critical formation. In this way, its general objective is to investigate the appropriation of PHC by the graduates of the PIBID / Química program of the Federal University of Bahia (UFBA) through the actions taken in the schools. In order to fulfill this objective, we carried out a bibliographical review where we present an overview of the historical constitution of teacher education and the interface with the Public Policies focused on this formation, taking as reference authors: Bomeny (1994); Tanuri (2000); Xavier (2002); (2004), Saviani (2004, 2005, 2009, 2011), Gatti (2009), Romanelli (2010), among other renowned authors in the area; we seek to bring into consideration the PIBID as a public policy, which promotes the articulation of the academic tripod: research, teaching and extension in teacher training; the theoretical bases of the PHC taking as reference the works of Saviani, Gasparin, Duarte among others and we raised considerations about the changes in the training of chemistry professors of UFBA. The research was based on the qualitative approach, in the case study modality and for the treatment of the data in the balizamos in the theoretical-methodological foundations of the content analysis. Semi-structured interviews and documentary analysis of the reports and action plans of six subjects were used as instruments, the subproject fellows in PIBID / Química. The analyzes of the interviews and the documents were carried out from four thematic categories established a priori, based on our theoretical reference: teaching identity and academic formation; critical teacher training and PHC; the PIBID and teaching identity; understanding of the fundamentals of PHC. New non-a priori categories of character emerged, which emerged during the analysis of the data: the role of the teacher teacher; the importance of praxis in PIBID; didactic-methodological understanding of PHC; the role of teacher and school, the relationship between critical teaching and social transformation. Some of the themes analyzed included as subcategory: PIBID as complementary training. The main conclusions that we reached at the end of the research are that the PIBID / Química is a program of relevance and with potentialities to be explored in teacher training, both for the experience it provides and for presenting new theoretical and methodological contributions, such as critical theory PHC; one can also perceive the resignification as to the identity of the licenciando (walks) with the profession chosen. The theory-practice junction with the theoretical contributions of the PHC show that the PIBID can complement the formation of these students within a critical perspective, aimed at new conceptions of the world. For the pibidians the understanding of this theory was efficient to prepare them as more critical teachers, since they consider that the use of the PHC in their actions in the PIBID allows the teaching of chemistry with criticality, since it promotes new mediations of the scientific knowledge with the context thinking about social transformation
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/30209
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (PPGEFHC)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
VERSÃO FINAL Dissertação Tereza.pdfDissertação final 2.3 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA