DSpace

RI UFBA >
Instituto de Letras >
Programa de Pós-graduação em Letras e Lingüística (PPGLL até 2010) >
Teses de Doutorado (PPGLL) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/29607

Title: A audiodescrição da minissérie policial Luna Caliente: uma proposta de tradução à luz da narratologia
Authors: Mascarenhas, Renata de Oliveira
???metadata.dc.contributor.advisor???: Anastácio, Silvia Maria Guerra
Keywords: Luna Caliente (Minissérie);Tradução e interpretação;Audiodescrição;Roteiros de televisão;Análise do discurso narrativo;Translation and Interpretation;Audio description;Television Screenplay;Narrative discourse analysis
Issue Date: 20-May-2019
Abstract: A presente pesquisa é de caráter descritivo e tem como objetivo analisar o papel da narratologia para a elaboração do roteiro de audiodescrição de uma minissérie policial. Entende-se por audiodescrição (AD) uma modalidade de tradução audiovisual intersemiótica, bem como uma ferramenta de acessibilidade, que visa preencher as prováveis lacunas de compreensão do conteúdo imagético de um produto audiovisual para o público com deficiência visual. Trata-se, portanto, da descrição verbal dos principais elementos visuais (fotografia, figurino, gestos, por exemplo) inserida nos intervalos dos diálogos e/ou da narração de um programa. A AD normalmente decorre de um roteiro pré-elaborado e posterior locução (gravada ou ao vivo) sobre o material audiovisual traduzido. O presente trabalho, portanto, contempla apenas a primeira etapa do processo, no caso, a elaboração do roteiro. Busca-se verificar de que forma uma análise descritiva da estrutura narrativa da minissérie policial Luna Caliente (Rede Globo, 1999), baseada principalmente em Bal (1997), Balogh (2002), Gomes (2004), Pallottini (1998), Saraiva e Cannito (2009) e Jiménez Hurtado et al. (2010), influencia nas estratégias discursivas do seu roteiro de AD. Para isso, as estratégias tradutórias utilizadas na elaboração de duas versões do roteiro de AD da referida minissérie - um elaborado pela presente pesquisadora (versão PQ), a partir da sistematização de parâmetros narratológico-discursivos, e outro elaborado por uma audiodescritora colaboradora (versão CL), pautando-se em alguns aspectos narrativos, porém sem uma análise sistemática dos mesmos – são descritas e analisadas. De modo geral, em termos da reconstrução do gênero do produto, o presente estudo demonstra que, os dois roteiros foram sensíveis a aspectos semelhantes de composição da obra, tais como, a construção dos espaços e dos personagens (encenação), a focalização (cinematografia) e as anacronias (montagem). Contudo, observou-se que a VPQ foi mais regular e sistemática, do que a VCL, no uso de suas estratégias discursivas para recriar: a progressão da ação dramática das cenas; a perspectiva e a movimentação da câmera; as transições, o ritmo de montagem das imagens; a distribuição dos elementos no enquadramento, a iluminação, a fotografia, os efeitos de imagens, dentre outros elementos relevantes para a composição do mistério e suspense das cenas. Assim, acredita-se que a análise descritiva da estrutura narrativa da minissérie, bem como uma revisão pautada em parâmetros narratológico-discursivos, se demonstrou válida para a recriação mais frequente de todos esses aspectos imagéticos e para uma sistematização do próprio discurso audiodescritivo, buscando estabelecer regularidades discursivas internas. Acredita-se que os resultados atingidos a partir de Luna Caliente propõem uma metodologia sistemática, tanto para a análise do produto a ser audiodescrito, quanto para a elaboração de roteiros de AD, que pode ser aplicada a outras minisséries policiais ou demais produtos teleficcionais seriados de curta duração, bem como implementada em cursos de formação de audiodescritores.
The research presented here is descriptive in nature and aims to analyze the role of narratology in the creation of an audio description screenplay for a detective TV mini-series. Audio description is defined as a type of audiovisual translation that is intersemiotic in nature with the purpose of being an aid for the visually impaired to better comprehend an audiovisual program. In practice it is a verbal description of the main visual elements ( eg. photography, costume, gestures) of a program timed to be heard during intervals in dialog and other important sounds. The AD is normally derived from a pre-elaborated screenplay which can be pre-recorded and edited into a program or can be executed simultaneously during live performances. This work deals only with the first part of the process, in this case, the creation of the screenplay and seeks to investigate how a descriptive analysis of the narrative structure of the detective TV mini-series Luna Caliente influences the discursive strategies of its audio description screenplay based on the works of Bal (1997), Balogh (2002), Gomes (2004), Pallottini (1998), Saraiva & Cannito (2009) and Jiménez Hurtado et al. (2010). In order to do so, the translation strategies used in the creation of two versions of the AD screenplay of the referred TV mini-series are described and analyzed – the first was created by the researcher (PQ version) and is based on the systematization of narratological-discursive parameters and the second created by another audio describer (CL version), and is based on some narrative aspects but without a systematic analysis of them. The results showed that in relation to the detective genre both screenplays were sensitive to aspects of the TV mini-series’ composition, specifically – its construction of space and characters (mise-en-scene), focalization (cinematography) and anachronies (editing). However it was observed that the PQV was more consistent and systematic than the CLV in the use of discursive strategies to re-create: the progress of the dramatic action of the scenes; the point of view and camera movement; the transitions between scenes; the editing rhythm; the distribution of elements in the frame; the lighting; the photography and special effects among other elements relevant to the composition of the mystery and the suspense of the scenes. As a result of this study, the descriptive analysis of the narrative structure of the TV mini-series and the review of its audio description screenplay based on narratological-discursive parameters were proven to be useful in producing a more consistent and systemized AD screenplay in relation to the translation of its visual aspects. The results from this study of Luna Caliente suggests that the idea of using a systematic methodology to analyze a TV mini-series in order to create its AD screenplay might be applied to similar detective TV mini-series or other fictional TV series of fixed duration. It may also be useful in courses with the objective of training audio describers.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/29607
Appears in Collections:Teses de Doutorado (PPGLL)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
Tese-Renata O. Mascarenhas.pdf3.68 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA