DSpace

RI UFBA >
Faculdade de Arquitetura >
Mestrado Profissional em Conservação e Restauração de Monumentos e Núcleos Históricos (MP/CECRE) >
Dissertações de Mestrado (MP/CECRE) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/28811

Title: AS HISTÓRIAS TRAÇADAS PELO CAFÉ NA ZONA DA MATA MINEIRA: PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NA FAZENDA BOA ESPERANÇA
Authors: Pereira, Tamara Nunes
???metadata.dc.contributor.advisor???: Santana, Mariely Cabral de
???metadata.dc.contributor.advisor-co???: Klüppel, Griselda Pinheiro
Keywords: Patrimônio rural;Técnicas construtivas tradicionais;Arquitetura cafeeira;Restauro
Issue Date: 13-Mar-2019
Abstract: A Fazenda Boa Esperança, localizada na zona rural do município de Belmiro Braga, Minas Gerais, se estabelece a partir da doação de uma sesmaria, provavelmente em torno de 1820, desmembrada entre os irmãos e herdeiros da família Barros. A área onde se encontra a fazenda em estudo, no entanto, começou sua ocupação na segunda metade do século XIX, dedicada, principalmente, ao cultivo do café, produto responsável pela movimentação da economia e modificação da paisagem. Além da cafeicultura, a propriedade ainda contava com outras atividades agrícolas, pecuárias e espaços para moradia, tanto de trabalhadores (livres e escravos) quanto do proprietário e sua família, habitando a enobrecida casa sede. Atualmente, inventariado em nível municipal, conta com uma pequena criação de animais e é aberta a visitações esporádicas, permitindo que a população possa conhecer e usufruir dos espaços. Sendo assim, e após o entendimento do conjunto como bem patrimonial significativo, o principal objetivo do presente trabalho é a preservação desta unidade rural, com enfoque tanto para a recuperação da casa sede e da tulha, intervindo em suas técnicas construtivas tradicionais em terra, pedra, madeira e tijolo, quanto para a adequação do conjunto a novos usos, após o entendimento de suas potencialidades enquanto organismo vivo inserido numa importante paisagem cultural mineira.
The Farm Boa Esperança, located in the rural area of the municipality Belmiro Braga, Minas Gerais, was established from the donation of a settlement from overseas, around 1820, dismembered between brothers and heirs of the Barros family. The area where are the farm in study, began its activity in the second half of XIX century, mainly cultivating coffee, moving the economy and the modification of the landscape. In addition to coffee, the property conted with other agricultural activities, livestock and spaces for housing, both for workers and owner‟s family, lived in a big house. At present, inventory at the municipal level, has a small amount of animals and open to sporadic visits, allowing the population to know and enjoy the spaces. So, after understanding a farm as heritage, the main objective of the present work is the preservation of this rural unit, mainly big house and coffee production site, interving in traditional constructive techniques in land, wood and brick, and to the adequacy of the new uses, after the understanding of its potentialities while the living heritage inserted in a important cultural landscape.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/28811
Appears in Collections:Dissertações de Mestrado (MP/CECRE)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TAMARA Trabalho Final.pdf201.02 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA