DSpace

RI UFBA >
EDUFBA >
Coleções por área do conhecimento >
Lingüística, Letras e Artes (EDUFBA) >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/28269

Title: Linguística Cognitiva
Editors: Almeida, Aurelina Ariadne Domingues
Santos, Elisângela Santana dos
Keywords: Linguística;Cognição;Semântica;Gramática cognitiva
Issue Date: 2018
Publisher: EDUFBA
Abstract: O livro Linguística Cognitiva: redes de conhecimentos d'aquém e d'além-maré constituído por textos de pesquisadores da América e da Europa latinas, em homenagem ao centenário do falecimento de Michel Bréal e aos 35 anos da publicação da obra Metaphors we live by, de autoria de George Lakoff e de Mark Johnson, ocorrido em 2015. Os artigos da presente coletânea versam sobre pesquisas elaboradas na área da Semântica Cognitiva e apresentam um panorama atual dos estudos cognitivistas da linguagem produzidos no espaço ibero-americano, o que justifica o seu título, pois, nesta obra, procuram-se estabelecer redes de saberes que conectem o conhecimento produzido em dois cantos do mundo latino: o da América do Sul e o da Península Ibérica. Assim, a expõem-se trabalhos realizados por professores dos dois continentes, integrantes de variados grupos de pesquisa, vinculados a Programas de Pós-Graduação de diferentes universidades. Como sabemos, tanto no continente europeu quanto no continente americano as investigações nessa área do conhecimento têm crescido bastante, evidenciando uma nítida projeção dos estudos acerca da significação, nos últimos anos, sob o escopo cognitivista. Em Portugal e na Espanha, assim como no Brasil, na Argentina e no Chile, dentre outros países de língua latina, encontramos vários pesquisadores que têm dado importantes contribuições para a expansão da Semântica Cognitiva. Integram esta obra e comprovam a consolidação dos estudos semânticos os seguintes pesquisadores: Heloísa Pedroso de Moraes Feltes, da Universidade de Caxias do Sul (UCS), do Brasil, que apresenta o artigo intitulado "Princípios de composicionalidade e continuidade, indeterminância do significado: tópicos em semântica cognitiva"; Iraide Ibarretxe-Antuñano, da Universidad de Zaragoza (Unizar), da Espanha, que traz o texto "Significado y motivación: la importância de la corporeización en la semântica"; Elena del Carmen Pérez, da Universidad Nacional de Córdoba (UNC), da Argentina, que oferece o artigo "La función de las metáforas en la construcción identitaria de Argentina". Encontram-se, neste livro, também, A. Ariadne Domingues Almeida, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), do Brasil, com "Interconexões possíveis: quando a teoria da complexidade encontrou a Linguística Cognitiva, um caso de migração científica na noosfera"; Maíra Avelar Miranda, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), do Brasil, com "Análise de metáforas e esquemas imagéticos multimodais no discurso de membros da frente parlamentar evangélica: uma abordagem cognitiva"; Jorge Osório, da Universidad Católica de la Santísima Concepción (UCSC), do Chile, com "La expresión de la conducta social: axiologia y modelo cognitivo"; José de Sousa Teixeira, da Universidade do Minho (UMinho), de Portugal, com "Quando morrem as metáforas vivas e nascem as metáforas mortas: a rece(p)ção no processo metafórico"; Augusto Soares da Silva, da Universidade Católica Portuguesa (UCP), também de Portugal, com "Polissemia na mente, na cultura e no discurso: para uma abordagem cognitiva mais dinâmica e contextualizada da individuação, relação e mudança de sentidos"; Elisângela Santana dos Santos, da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), do Brasil, com "Conceptualizações de leitura: aportes da Linguística Cognitiva para compreensão do significado"; Luciane Corrêa Ferreira, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), do Brasil, com "Metáforas do medo: um estudo das conceitualizações sobre violência urbana na cidade de Belo Horizonte, MG, Brasil"; Juliana Soledade, da Universidade Federal da Bahia (UFBA), do Brasil, com "Por uma abordagem cognitiva da morfologia: revisando a morfologia construcional"; e, finalmente, Carlos Alexandre Victório Gonçalves e Maria Lúcia Leitão de Almeida, ambos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), também do Brasil, com "Ligando o morfômetro: análise morfossemântica das construções com -metro no português do Brasil". Vale ressaltar que esta coletânea é apoiada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) por meio do processo 1094/2015 do Programa de Apoio a Eventos no País (PAEP). Esperamos que a publicação dos textos que aqui se encontram contribua com a Semântica Cognitiva, estabelecendo redes de conhecimentos não apenas d'aquém e d'além-mar, mas em diversos espaços.
URI: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/28269
ISBN: 978-85-232-1699-3
Appears in Collections:Lingüística, Letras e Artes (EDUFBA)
Lingüística, Letras e Artes (EDUFBA)

Files in This Item:

File Description SizeFormat
linguistica-cognitiva_miolo.pdf6.47 MBAdobe PDFView/Open
View Statistics

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

    Universidade Federal da Bahia

Contate-nos. Saiba mais sobre o RI/UFBA